Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação e saúde

UFPB produz máscaras para combate à pandemia de coronavírus

  • Sexta-feira, 27 de março de 2020, 15h29

Protetores serão doados a profissionais das unidades de saúde da Paraíba

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) está fabricando máscaras para doar aos profissionais da saúde do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), em João Pessoa (PB), e das demais unidades de saúde do estado. A iniciativa tem o objetivo de ajudar no combate à pandemia do novo coronavírus.

Até o momento, pesquisadores do laboratório da universidade (Fablab) produziram 50 unidades. A previsão é que sejam feitas, na próxima semana, mais 500 máscaras. A estimativa é que a demanda do estado seja de 4 mil máscaras para proteger médicos, enfermeiros, dentistas e outros funcionários com necessidade indicada.

Como explicou o professor do Centro de Energias Alternativas e Renováveis (CEAR) da UFPB, Euler Macêdo, as máscaras são do tipo Face Shield, que isolam boca, nariz e olhos. “São equipamentos de proteção individual extremamente seguros. Evitam o contato com gotículas que possam atingir o rosto, o nariz, a boca e os olhos. Previnem o contágio contra vírus, bactérias e outras contaminações”, afirmou.

Segundo Macêdo, a ideia surgiu a partir das experiências internacionais. “Com a pandemia na Itália, tomamos conhecimento que um engenheiro e um físico usaram a impressão 3D na reposição de válvulas para respiradores. Depois, descobrimos que uma famosa marca de impressoras 3D da República Tcheca havia modelado um capacete de proteção e doou para a rede hospitalar. A partir da atuação no Fablab da UFPB, conseguimos entrar em uma rede estadual de produção e distribuição das máscaras na Paraíba”, afirmou.

A equipe do Fablab responsável pela produção de protetores também é formada pelos pesquisadores e docentes, Lucas Hartmann, José Maurício Ramos e Camila Seibel e pelo estudante do curso de Engenharia Elétrica da UFPB, Patrick Silva.

Os interessados em contribuir podem entrar em contato com o professor Euler Macêdo pelo telefone: (83) 99134.1243 ou com a equipe do Fablab da UFPB pelo e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Assessoria de Comunicação Social, com informações da UFPB

Assunto(s): MEC , UFPB , coronavírus
X
Fim do conteúdo da página