Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Prazo para confirmação de pré-aprovados em primeira chamada termina nesta sexta-feira, 23
Início do conteúdo da página
Institutos federais

Programa vai incentivar 5 mil crianças a praticar esportes

  • Segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010, 17h41
O secretário Eliezer Pacheco (esq) representou o MEC no lançamento da parceria com o Ministério do Esporte (foto: Wanderley Pessoa)Levar esporte gratuito para 5 mil crianças e jovens e equipar as quadras esportivas dos institutos federais é o objetivo do programa Segundo Tempo, lançado oficialmente nesta segunda-feira, 22, em Brasília. Os institutos federais de educação, ciência e tecnologia oferecerão oficinas de esportes, abertas à comunidade, e receberão recursos para equipar as quadras.

O programa é uma parceria entre os ministérios da Educação e do Esporte. Os campi recebem até R$ 300 mil para melhorar a infraestrutura e devem oferecer, no mínimo, três modalidades esportivas para 100 jovens. Uma das novidades é que os professores serão capacitados para identificar possíveis prodígios.

“O esporte é a ferramenta mais poderosa que dispomos para salvar crianças da marginalidade”, ressaltou Eliezer Pacheco, secretário de educação profissional e tecnológica do Ministério da Educação.

Ganhos – Antes mesmo de começar, os ganhos que o programa deve trazer já animam os gestores da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. Reitor do Instituto Federal do Mato Grosso, José Bispo dos Santos pretende inscrever ao menos quatro campi no programa. “Em Campo Novo do Parecis, Juína, Confresa e Rondonópolis nós não temos quadras poliesportivas e esses recursos trariam piscinas para a comunidade e para a escola”, afirmou.

Outro benefício é utilizar a capilaridade da rede. Hoje, são 281 escolas em todo país. O programa permitirá a prática de esportes, orientada por profissionais capacitados, em comunidades do interior. “A ação traz uma universalização do direito ao esporte no Brasil”, afirmou Apolinário Rebelo, diretor de esporte universitário do Ministério do Esporte.

A princípio, serão instalados 50 núcleos esportivos em escolas federais de educação profissional. Todos os institutos federais podem aderir à iniciativa, por intermédio de chamada pública, divulgada nesta segunda-feira, 22.

Assessoria de Imprensa da Setec
X
Fim do conteúdo da página