Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Taxa referente à segunda etapa deve ser paga até esta terça, 16
Início do conteúdo da página
Educação básica

Concurso de vídeos sobre tema afro premia vencedores

  • Quarta-feira, 04 de dezembro de 2013, 11h03

Cena de Lenda de Oxumaré: vídeo produzido por equipe de escola cearense foi o ganhador do prêmio Curta Histórias na votação pela internet (reprodução/YouTube)Os vídeos Lenda de Oxumaré, Igualdade e Ilumine-se são os vencedores da primeira edição do prêmio Curta Histórias, promovido pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi) do Ministério da Educação. Sob o tema Africanidades Brasileiras, concorreram 233 equipes de estudantes e professores de escolas públicas das 27 unidades da Federação.

 

Vencedor do júri popular, com 3.353 votos dados pela internet, Lenda de Oxumaré foi criado por estudantes e educadores da Escola de Ensino Médio Dragão do Mar, de Fortaleza. A comissão julgadora escolheu Igualdade, produzido na Escola Municipal Florestan Fernandes, de Belo Horizonte, e Ilumine-se, da Escola Municipal Vicente Licínio Cardoso, do Rio de Janeiro. Segundo colocado na votação pela internet, o curta Bom pra quê?, ganhou menção honrosa. O vídeo foi criado por estudantes da Escola Municipal Gracy Vianna Lage, de Belo Horizonte.

 

Os prêmios foram entregues pela secretária Macaé Evaristo e pelos parceiros do prêmio Curta Histórias, na segunda-feira, 2, no Ministério da Educação, em Brasília. Os estudantes e professores vencedores participam, até sexta-feira, 6, em Brasília, de oficina de formação em cinema e empreendedorismo. Cada um deles ganhou um tablet e um smartphone. As escolas dos vencedores receberam aparelhos data show, DVD, filmadora digital e câmera fotográfica semiprofissional.


Prioridades — O concurso de vídeos foi dirigido a estudantes vinculados aos programas Mais Educação e Ensino Médio Inovador que este ano fizeram trabalhos sobre os temas educomunicação, comunicação e uso de mídias, cultura digital e cinema. Também participaram estudantes da educação básica pública de unidades que participam do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem).

 

Equipe da escola Dragão do Mar, de Fortaleza, recebe da secretária Macaé Evaristo (E) a premiação pelo primeiro lugar na primeira edição do Curta História, com o vídeo Lenda de Oxumaré (foto: Diego Rocha/MEC)Promovido pela Secadi, o prêmio visa a incentivar o surgimento de novos talentos e a estimular atividades pedagógicas audiovisuais de cunho cultural e educativo nas escolas públicas. Foram parceiros da iniciativa, a Fundação Casa da Árvore, a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) e as fundações Vale e Telefônica.


Ionice Lorenzoni

 

Confira os vídeos:

 

Lenda de Oxumaré

Igualdade

Ilumine-se

Bom pra quê?

X
Fim do conteúdo da página