Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação superior

UFMT apresenta cursos de pós-graduação no Agrishow Cerrado

  • Terça-feira, 19 de abril de 2005, 15h04

A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) apresenta seus cursos de pós-graduação da área de agricultura durante a Agrishow Cerrado 2005, uma das maiores feiras do agronegócio do país, que começa nesta terça-feira, 19, e vai até o dia 23, das 8h às 18h, no Parque de Exposições Wilmar Peres de Faria, em Rondonópolis (MT).

A UFMT será representada entre os mais de 270 expositores em estande montado em parceria com a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Secitec). Os pesquisadores e os coordenadores do mestrado e doutorado em agricultura tropical, Maria Cristina de Albuquerque Figueiredo, e de mestrado em economia - agronegócios e desenvolvimento regional, Benedito Dias Pereira, falarão aos visitantes sobre os programas e projetos em exposição.

O doutorado em agricultura tropical é o primeiro da UFMT e está começando este ano com seis vagas. O mestrado nesse mesmo campo do conhecimento existe desde o início da década de 1990. O objetivo desse programa é formar profissionais em níveis de mestrado e doutorado capacitados para atuarem na investigação, ensino e manejo de sistemas tropicais de produção agropecuária. As linhas de pesquisa oferecidas são agricultura tropical, recursos naturais, propagação, melhoramento e manejo de espécies vegetais nativas, cultivadas e medicinais e descrição, análise e desenho de sistemas de produção.

O mestrado em economia - agronegócios e desenvolvimento regional também se inicia este ano, com 12 vagas. O objetivo é formar profissionais com ampla visão empírica e com os conhecimentos teóricos necessários ao entendimento adequado das principais características, contradições e tendências do agronegócio regional, nacional e mundial. São ofertadas duas linhas de pesquisa: gestão agroindustrial e competitividade das organizações agroindustriais e desenvolvimento regional e impactos socioambientais do agronegócio.(Assessoria de Comunicação Social da UFMT)

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página