Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Prorrogadas inscrições para prêmio de educação em direitos humanos
Início do conteúdo da página
Educação superior

Cursos de engenharia de produção discutem integração entre academia e indústria

  • Terça-feira, 03 de maio de 2005, 08h51

Começa nesta quarta-feira, 4, em Florianópolis, o 10º Encontro de Coordenadores de Engenharia de Produção (Encep 2005). O evento vai reunir professores dos 182 cursos de graduação e 20 de pós-graduação, de todo o país, e pretende debater uma integração efetiva entre o ambiente acadêmico, o mundo empresarial e o sistema profissional. Serão discutidas questões relacionadas ao ensino de graduação, como o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) e a reforma universitária.

Uma das principais atividades do primeiro dia do Encep 2005 será a discussão sobre a avaliação da graduação, com base na palestra do professor Dilvo Ristoff, diretor de estatísticas e avaliação da educação superior do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão do Ministério da Educação. Ristoff vai falar a respeito do Sinaes, criado em abril do ano passado como um instrumento para apreciar a qualidade dos cursos e o desempenho dos estudantes.

Debate - Na abertura do evento, será realizada a mesa-redonda Desenvolvendo Competências para a Indústria Brasileira, às 20h30. O debate reunirá os professores Antônio Diomário Queiroz, diretor-geral da Secretaria Estadual da Educação, e Cláudio de Moura Castro, da Faculdade Pitágoras. Eles também devem debater a proposta de reforma universitária do governo federal. No segundo dia do Encep 2005 haverá discussões relacionadas à integração universidade e empresa, aos programas de apoio à pesquisa e às metodologias de investigação. O encontro termina na sexta-feira, 6, quando devem ser feitas avaliações e deliberações da Associação Brasileira de Engenharia de Produção (Abepro).

O Encep 2005 é uma realização da Abepro em conjunto com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e a Fundação de Ensino e Engenharia em Santa Catarina (Feesc). Mais informações com o coordenador local do Encep 2005, professor João Ernesto Escosteguy Castro, pelo telefone (48) 331-7065 ou e-mail (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.). (Núcleo de Comunicação da Abepro)

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página