Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação superior

Conaes debate avaliação da educação superior

  • Terça-feira, 18 de dezembro de 2007, 15h33

O processo de implementação do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) durante o ano de 2007 foi discutido nesta terça-feira, 18, pela Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes). A reunião contou com a presença do ministro da Educação, Fernando Haddad, e do presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Reynaldo Fernandes.

Em 2007, a comissão testou instrumentos de avaliação em alguns cursos, como na medicina veterinária. Houve, ainda, aperfeiçoamento da área de supervisão, como a realizada com os cursos de direito que obtiveram baixo desempenho no Enade. Os trabalhos também se voltaram para o processo de autorização de cursos de direito e medicina.

De acordo com Haddad, as ações realizadas durante o ano deram subsídios para aperfeiçoar a avaliação in loco dos cursos superiores, feita pelo Inep. “Em educação, tudo é pré-testado a fim de calibrar procedimentos e instrumentos operacionais”, disse.

O ministro ressaltou a importância de dar um peso maior para a avaliação do corpo docente, na aferição dos cursos. Titulação, qualidade dos títulos e compromisso dos professores com o curso são alguns itens que podem ser medidos, segundo Haddad.

O presidente da Conaes, Sérgio Franco, afirmou que o encontro realizado nesta terça-feira sinaliza a necessidade de busca de um trabalho conjunto e de sintonia entre todos os envolvidos. “Nossa preocupação é implementar o Sinaes com qualidade. O processo de avaliação tem que subsidiar a construção de uma boa educação superior no país”, destacou.

Os resultados das avaliações possibilitam traçar um panorama da qualidade dos cursos e instituições de educação superior no país. Os processos avaliativos são coordenados e supervisionados pela Conaes, mas a operacionalização fica a cargo do Inep.

Trajetória — Criado pela Lei n° 10.861, de 14 de abril de 2004, cabe ao Sinaes elaborar normas para a avaliação das instituições, dos cursos e o desempenho dos estudantes. O sistema também avalia, entre outros aspectos, o ensino, a pesquisa, a extensão, a responsabilidade social, o corpo docente e as instalações dos cursos. O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) é um dos instrumentos complementares do Sinaes.

Letícia Tancredi

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página