Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Governo federal lança carteira estudantil digital e gratuita
Início do conteúdo da página
Financiamento

Edital seleciona projetos de pesquisa em Direitos Humanos

  • Sexta-feira, 25 de agosto de 2017, 19h47


Um novo edital lançado pelo Ministério da Educação vai selecionar projetos de pesquisa em direitos humanos e diversidade que contribuam para a formação dos cidadãos para a convivência em sociedade, respeito às diferenças e enfrentamento do preconceito. As propostas aprovadas terão uma reserva de financiamento total de R$ 1 milhão, sendo o valor do subsídio por projeto de até R$ 200 mil.

De número 38/2017, o edital Educação em Direitos Humanos & Diversidades será executado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), em parceria com a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi).

As inscrições vão até 5 de outubro e o edital completo está disponível no Portal da Capes. Podem participar pesquisadores de instituições de ensino superior brasileiras, públicas e privadas sem fins lucrativos, integrantes do Pacto Universitário pela Promoção do Respeito à Diversidade e da Cultura de Paz e Direitos Humanos, que possuam programas de pós-graduação stricto sensu acadêmicos, recomendados pela Capes.

Para o coordenador da Secadi, Daniel Ximenes, é importante que essa temática seja aprofundada nas universidades, e a convocatória lançada pelo MEC busca, justamente, intensificar o debate ao logo da formação superior. “É um tema relevante para a vivência institucional, mas que perpassa a vida institucional pela natureza da questão da convivência, respeito ao outro e à diversidade”, comentou Ximenes. “Ao mesmo tempo são temas ainda muito carentes de uma abordagem mais ampla de estudos e pesquisas. São áreas ainda mais restritas que precisam ganhar corpo e avançar dentro das universidades.”

Ximenes destacou, ainda, a importância desse debate para a sociedade brasileira. “Nós precisamos de uma reflexão aprofundada e qualificada. O papel das universidades é dar um retorno para a sociedade de mais reflexão, de mais estudo, formando recursos humanos, pesquisadores nessa temática, trazendo a discussão e produzindo textos e relatórios que ajudem o país a melhor refletir”.

Financiamento e bolsas – Os recursos de financiamento deste edital são destinados ao pagamento de bolsas (R$ 170 mil), despesas de custeio (R$ 20 mil) e despesas de capital (R$ 10 mil), dos quais pelo menos 30% devem ser reservados à aquisição de material bibliográfico. As mensalidades das bolsas de estudo serão pagas pela Capes aos bolsistas selecionados e indicados pelos coordenadores dos projetos.

Acesse o edital no Portal da Capes

Assessoria de Comunicação Social 

X
Fim do conteúdo da página