Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > MEC apresenta programa de inovação no ensino superior para reitores de universidades
Início do conteúdo da página
Educação profissional

MEC libera recursos para a construção de sede do campus Paulista, do Instituto de Pernambuco

  • Segunda-feira, 30 de outubro de 2017, 15h50

Recife, 30/10/2017 – O ministro da Educação, Mendonça Filho, assinou, na manhã desta segunda-feira, 30, a liberação de recursos para a obra de construção do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), campus Paulista, na região metropolitana do Recife. A obra está orçada em R$ 17.217.647,95 e o prazo técnico de execução da construção é de 14 meses.

Mendonça Filho ressaltou que ações como essa vêm para consolidar uma base de educação técnica e superior não só no Estado de Pernambuco, mas em todo o país. “Todo esse investimento em infraestrutura vai garantir às próximas gerações um futuro melhor. Afinal é a educação que muda a realidade de qualquer país”, explicou o ministro. “Essa obra estava prevista na expansão 3 da rede de educação federal e técnica há muito tempo, que tiramos do papel, cumprindo o planejamento que havia sido feito e não pôde ser viabilizado no tempo devido por dificuldades e limitações de recursos”, completou.

O campus Paulista funciona, desde 2014, em sede provisória e espaço alugado, que ocupa parte das instalações da Faculdade de Saúde de Paulista (Fasup). A estrutura já não comporta o crescimento da unidade.

Ao assinar a liberação de recursos, o ministro Mendonça observou que “ações como essa consolidam uma base de educação técnica não só em Pernambuco, mas em todo o país” (Foto: André Nery/MEC)

A construção da sede definitiva, em terreno doado pela prefeitura do município, possibilitará a ampliação do número de vagas para 1.200 estudantes e a promoção da educação profissional, científica e tecnológica, em todos os seus níveis e modalidades. “Isso vai não só aumentar a oferta de cursos na região, mas também a oferta de vagas nos cursos já existentes”, explicou a reitora do IFPE, Anália Keila Rodrigues Ribeiro. “Além disso, teremos mais laboratórios e poderemos atender um número maior de pessoas com cursos de extensão e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec)”, finalizou.

Com um total de 474 estudantes nos cursos regulares, o campus Paulista tem se tornado uma referência no município. Isso é confirmado pelo número de inscrições nos últimos vestibulares. No primeiro semestre de 2017, foram 1.983 inscritos para 144 vagas e, no segundo semestre, 1201 para 72 vagas.

O campus conta com estudantes das cidades de Paulista, Abreu e Lima, Araçoiaba, Barreiros, Camaragibe, Igarassu, Itamaracá, Itapissuma, Jaboatão dos Guararapes, Moreno, Olinda, Recife e São Lourenço da Mata. Atualmente, oferta os cursos técnicos de administração e manutenção e suporte em informática.

Assessoria de Comunicação Social 

 

 

X
Fim do conteúdo da página