Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Inep capacita equipe que fará a aplicação do exame este ano
Início do conteúdo da página
Encontro

Fundação Joaquim Nabuco recebe ministro para visita às instalações e encontro com servidores

  • Sexta-feira, 20 de abril de 2018, 18h24


Recife, 20/4/2018
– Em reunião realizada nesta sexta-feira, 20, com algumas diretorias da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), vinculada ao Ministério da Educação, o ministro Rossieli Soares iniciou o planejamento estratégico para a fundação no restante deste ano. O ministro reconhece na Fundaj um importante papel na educação brasileira e defende que todo o seu potencial deve ser usado para fomentar novas parcerias em todos os níveis de ensino.

“Não é olhando apenas as áreas próprias, mas de forma integrada, para um planejamento estratégico para o Nordeste”, disse Rossieli. “Esse é um papel bonito que a Fundaj pode e deve fazer, assim como nós podemos olhar no ensino superior e na educação básica o potencial dessa instituição fantástica para melhorar a educação brasileira.”  

O ministro conheceu as instalações do complexo, restauradas recentemente, e foi recebido pela presidente da Fundaj, Ivete Lacerda. Durante o encontro com os servidores, solicitou que cada setor do órgão elabore as principais ações a serem executadas, agora que o Complexo Cultural da Fundaj, sediado no bairro do Derby, no Recife, foi reaberto.

Na visita, Rossieli Soares conheceu a Escola de Governo da Fundaj, credenciada em 2017 pelo MEC para oferecer cursos de pós-graduação em gestão pública; conversou com alunos de alguns cursos em andamento na fundação e conferiu o que está sendo realizado em educação, pesquisa e formação profissional.

Ele elogiou as obras de restauração do complexo e destacou parcerias que estão sendo realizadas. “É muito legal ver toda esta estrutura renovada, que foi recentemente entregue pelo MEC, ainda na gestão do ex-ministro Mendonça Filho, ver o funcionamento do apoio da Fundaj, da Diretoria de Formação numa parceria importante com a Sudene, por exemplo, e todo o potencial da Fundaj”, pontuou.

No encontro com os servidores da Fundaj, Rossieli solicitou que cada setor do órgão elabore as principais ações a serem executadas (Foto: André Nery/MEC)

Complexo – Fechado ao público desde fevereiro de 2015, o Complexo Cultural da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) foi entregue à população pelo ex-ministro Mendonça Filho em 26 de março, após um longo período de reformas. Sediado no Edifício Ulysses Pernambucano, no bairro do Derby, o equipamento recebeu um investimento de R$ 8 milhões do MEC para voltar a funcionar.

O Edifício Ulysses Pernambucano é um dos três campi da Fundaj e retomou as atividades mantendo suas características originais com melhorias para receber o público e tecnologias de ponta. Esses dois locais se juntaram ao Centro Audiovisual Norte e Nordeste (Canne), à Galeria Vicente do Rego Monteiro, à Massangana Produções Audiovisuais e Educacionais (MMP) e à Biblioteca Nilo Pereira. A Fundaj do Derby também é sede da Unidade Central da Diretoria de Memória, Educação, Cultura e Arte (Meca) e da Coordenação Administrativa e Financeira (Coex).

Um dos locais mais aguardados, o tradicional Cinema Derby também voltou às atividades, com características arquitetônicas originais, depois de ampla reforma. Sua sala agora comporta 160 lugares, com assentos especiais para obesos e espaços para cadeirantes e pessoas de mobilidade reduzida.

Assessoria de Comunicação Social

X
Fim do conteúdo da página