Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Competição

Vencedores da olímpiada de matemática das escolas públicas recebem medalhas no RJ

  • Quinta-feira, 02 de agosto de 2018, 19h42

“A matemática começou a transformar a vida de vocês, que são os campeões que o Brasil verdadeiramente precisa”, afirmou o ministro da Educação, Rossieli Soares, na cerimônia de premiação (Foto: André Nery/MEC)

Os 574 estudantes que tiveram melhor desempenho na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) de 2017 receberam nesta quinta-feira, 2, as medalhas de ouro em reconhecimento aos resultados alcançados. No ano passado, mais de 18 milhões de estudantes de 53,2 mil escolas participaram da competição.

A premiação da 13ª edição ocorreu durante o Congresso Internacional de Matemáticos (ICM) 2018, no Rio de Janeiro. A solenidade contou com a presença do ministro da Educação, Rossieli Soares, do único brasileiro a ganhar a medalha Fields, considerada o Nobel da matemática, Artur Ávila, e do diretor do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), Marcelo Viana.

Rossieli parabenizou os vencedores e enfatizou que eles estão dando um grande passo na vida deles e que esse reconhecimento é muito importante para o Ministério da Educação e para toda a sociedade brasileira. “Vocês vão parar em vários lugares do mundo. A matemática começou a transformar a vida de vocês, que são os campeões que o Brasil verdadeiramente precisa”, frisou o ministro. 

O diretor do Impa destacou que ainda há espaço para o país avançar, e lançou um desafio para os agraciados: “Ser medalhista de ouro em uma olimpíada que começa com mais de 18 milhões é uma façanha que ninguém vai tirar de vocês, mas essa façanha vem com uma responsabilidade: o futuro do Brasil está com vocês”, disse Viana.

“Eu espero que cada vez mais vocês e as pessoas que virão depois se motivem por meio dessa olimpíada e que venham a contribuir de maneiras variadas, não necessariamente como matemáticos, mas de uma maneira geral para o Brasil e para todos”, foi o recado dado aos medalhistas pelo único brasileiro a ganhar a medalha Fields, Artur Ávila.

Obmep - Criada em 2005, a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas é um projeto nacional dirigido às escolas públicas e privadas brasileiras, realizado pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), e promovida com recursos dos ministérios da Educação e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Em 2018, será realizada a 14ª edição da premiação com uma inovação: a partir desse ano, os alunos do quarto e do quinto ano do ensino fundamental também poderão participar da competição.

Assessoria de Comunicação Social

X
Fim do conteúdo da página