Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação básica

Aplicação das provas do Saeb começa nesta segunda-feira para 7 milhões de estudantes

  • Segunda-feira, 21 de outubro de 2019, 12h40

Sistema de avaliação chega a 73 mil escolas de todo o Brasil


A aplicação das provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) 2019 inicia nesta segunda-feira, 21 de outubro. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação e responsável pelo exame, já está em contato com as 73 mil escolas participantes em todo o país. Ao todo, 7 milhões de estudantes da educação básica, de 244 mil turmas, farão a prova.

O Saeb é aplicado a cada dois anos e permite produzir indicadores educacionais de regiões, unidades da Federação e, quando possível, de municípios e escolas do Brasil. O exame também permite avaliar a qualidade, a equidade e a eficiência da educação praticada nos diversos níveis governamentais.

Na edição de 2019, o Inep implementa algumas inovações na realização do Saeb: uma amostra de estudantes do 9º ano de escolas públicas fará os testes de ciências da natureza e ciências humanas com referência na Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada em 2017. A BNCC também será a referência para a avaliação dos alunos do 2º ano do ensino fundamental, que também participarão do Saeb pela primeira vez.

As avaliações de Português e Matemática serão para todos os estudantes de 5º e 9º anos do ensino fundamental e de 3ª e 4ª séries do ensino médio e técnico integrado das escolas públicas. Para preservar a comparabilidade e a série histórica do Saeb, o conteúdo será baseado na matriz de referência vigente.

Educação infantil – Outra novidade para 2019 é a avaliação da educação infantil, que será realizada em caráter de estudo-piloto para uma amostra de creches e pré-escolas públicas. Os diretores receberam questionários eletrônicos, via e-mail, para responder às questões sobre as condições de funcionamento da escola.

Os gestores serão parceiros no esforço de detalhar o estudo, organizando para que pelo menos um docente (ou assistente) de cada turma de educação infantil responda a um questionário específico.

Questionários – Faz parte da avaliação do Saeb a aplicação de questionários contextuais para gestores e secretários de educação municipais e estaduais de educação. Nesta edição, o Inep desenvolveu o formulário em modelo digital, que teve o link enviado por e-mail para 94 mil destinatários, incluindo os 3 mil diretores da educação infantil.

Estudantes e docentes também respondem aos questionários socioeconômicos, no formato de papel, no mesmo período das provas que ocorrem até 1º de novembro.

Diagnóstico – O levantamento de informações por meio do sistema de avaliação externa de larga escala permite subsidiar a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas públicas em educação baseadas em evidências. Além disso, o Saeb ajuda a desenvolver competência técnica e científica na área de avaliação educacional.

As médias de desempenho do Saeb, juntamente com os dados sobre aprovação, obtidos no Censo Escolar, compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Assessoria de Comunicação Social, com informações do Inep

Assunto(s): saeb , Inep , educação básica
X
Fim do conteúdo da página