Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias
Início do conteúdo da página
Hospitais universitários

Ebserh investe R$ 2,3 milhões no enfrentamento à Covid-19 em Juiz de Fora (MG)

  • Terça-feira, 05 de maio de 2020, 19h07

Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora criou uma área exclusiva para pacientes com coronavírus

Com investimentos de R$ 2,3 milhões da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), o Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora (HU-UFJF) readequou seu espaço físico, criando uma área especial somente para atendimento aos pacientes portadores de Covid-19. A unidade conta com oito leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), dezesseis leitos de enfermaria e já está recebendo pacientes.

Os recursos são parte dos R$ 270 milhões disponibilizados pelo Ministério da Educação (MEC) à Ebserh, para ações de enfrentamento à pandemia nos hospitais universitários federais. O orçamento é destinado para a aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), medicamentos e outros insumos hospitalares, infraestrutura e aparelhos médicos (aquisição e contratação de serviço de manutenção), além de exames de diagnóstico, o que possibilitou agrupar pacientes positivos em um mesmo espaço com segurança e conforto.

O superintendente do hospital universitário, Dimas Araújo, ressalta que o trabalho de adequação foi feito em tempo recorde e contou com apoio financeiro da Ebserh. “Nós fizemos um planejamento, trabalhamos arduamente e conseguimos disponibilizar 24 leitos. Estamos conseguindo fazer também um fluxo de exames com resultado em até 24 horas. Os pacientes suspeitos que chegam fazem o exame e, se der positivo, eles vão para a área destinada aos pacientes portadores de Covid-19. Então foi uma resposta extremamente rápida”, pontuou.

Além de possuir uma equipe de profissionais exclusiva, os residentes também terão um papel fundamental no novo espaço, aliando assistência e ensino-aprendizagem, obedecendo aos protocolos de segurança.A coordenadora do espaço, Dayse Cristina Dias, explica que todos os profissionais foram capacitados, desde como manusear EPIs ao recebimento do paciente, observados todos os cuidados de paramentação e fluxo de entrada até a enfermaria. Houve ainda treinamento para a equipe da área de limpeza. “Preparamos uma equipe especializada, privativa, para atender essas pessoas. São técnicos de enfermagem, enfermeiros, fisioterapeutas e médicos, uma equipe completa, que está bem integrada e disposta a fazer o melhor pelos pacientes”, conta a enfermeira.

Dentro do espaço para pacientes com Covid-19 também foi providenciada uma área para maior conforto da equipe assistencial, com sala de descanso para os profissionais envolvidos, incluindo armários e uma copa.

Obras - Segundo o responsável pela Divisão de Logística e Infraestrutura Hospitalar do HU-UFJF, André Xandó, entre as obras estão a ampliação da quantidade de quartos de isolamento de dois para cinco, com construção de antecâmaras nos quartos e antecâmara no corredor; fechamento da área de ventilação e construção de duas antecâmaras de entrada e saída, passando a estarem disponíveis 11 quartos exclusivos para atendimento a pacientes com Covid-19. Haverá ainda a instalação de um ponto de diálise na enfermaria para atender pacientes que tenham a necessidade de efetuar hemodiálise; e instalação de gerador de 400 KVA, que trará a confiabilidade e disponibilidade em caso de falta de energia.

Assessoria de Comunicação Social, com informações do Ebserh

Assunto(s): MEC , Ebserh , coronavírus
X
Fim do conteúdo da página