Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Inscrições do ProUni 2018 abrem no dia 6 de fevereiro
Início do conteúdo da página
  • Instituto federal da Bahia capacita inspetores da Anvisa

    O laboratório de controle de qualidade para a radiologia do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia é considerado um dos melhores da América Latina na área de física radiológica. Por isso, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) mantém uma parceria com o instituto federal para capacitação de inspetores que avaliam a qualidade do serviço de radiologia oferecido por clínicas e hospitais em todo o país.


    “Existem cerca de seis mil equipamentos de radiografia antigos em uso no Brasil, que produzem uma superexposição de radiação aos pacientes, sobretudo de pediatria, podendo causar câncer, catarata e até esterilidade”, diz o professor do instituto federal da Bahia, Marcus Navarro, coordenador do laboratório de física radiológica. A intenção dos cursos de capacitação oferecidos pelo instituto é ensinar os inspetores a analisar os aparelhos, identificar riscos e detectar falhas nos procedimentos de diagnóstico.


    O laboratório do instituto tem todos os equipamentos que podem ser avaliados em um controle de qualidade, desde aparelhos de raios X odontológicos até os de mamografia e tomografia. Além disso, os professores são físicos com formação específica na área radiológica; quatro deles, com doutorado.


    De acordo com o especialista em regulação e vigilância sanitária da Anvisa, João Henrique Souza, o instituto federal da Bahia foi escolhido para capacitar os inspetores por causa da boa estrutura e da experiência na área de radiação. “Ao melhorar a estrutura radiológica nos hospitais e clínicas, é possível fazer uma detecção precoce das doenças, aumentando as chances de cura dos pacientes, com menos riscos sanitários”, ressalta.


    O laboratório de física radiológica do instituto tem certificação para funcionamento emitida pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (Cnen), vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia. A comissão é responsável pelo planejamento, orientação, supervisão e fiscalização das atividades nucleares no Brasil.


    A licença é válida até 2013 e possibilita a realização de atividades de ensino, pesquisa e extensão, pelo Núcleo de Tecnologia em Saúde do instituto. Além da capacitação dos inspetores, o núcleo desenvolve projetos na área de controle de risco e proteção radiológica em radiologia médica, assessora secretarias de saúde do estado e dos municípios e dá apoio às atividades do novo curso superior de tecnologia em radiologia da instituição.

    Assessoria de Comunicação Social

    Confira as notícias sobre os Institutos Federais

Fim do conteúdo da página