Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Comunicado do MEC - Sisu
Início do conteúdo da página
  • Convocados na 1ª chamada do Sisutec devem fazer matrícula

    Os candidatos convocados na primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) do Ministério da Educação têm esta quinta-feira, 15, e a sexta, 16, para providenciar a matrícula na respectiva instituição de ensino. Na próxima segunda-feira, 19, será divulgado o resultado da segunda chamada, com matrículas na terça-feira, 20.

     

    As vagas restantes, depois das duas chamadas, podem ser ocupadas, com seleção on-line, por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), a partir do dia 22 próximo. As aulas terão início entre 22 de agosto e 21 de outubro.

     

    A primeira edição do Sisutec recebeu 737.229 inscrições de 383.080 candidatos, que concorreram a 239.792 vagas gratuitas em cursos técnicos para concluintes do ensino médio.

     

    O Nordeste, com oferta de 28% das vagas, é a região com maior percentual de inscritos (41%). O Sudeste, que tinha 46% das vagas, contabilizou 30% dos inscritos. O Norte teve 8% do total de inscritos, com 3% das vagas. Sul e Centro-Oeste, que ofereceram 12% das vagas cada um, tiveram 14% e 7% das inscrições, respectivamente.

     

    O Sisutec, aberto a candidatos que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012, reservou 85% das vagas a estudantes oriundos de escolas públicas e registrou 523.448 inscrições desses estudantes. Outras 60.308 inscrições foram destinadas a cotistas — a reserva é obrigatória nos institutos federais de educação, ciência e tecnologia. Outros 153.473 candidatos optaram pela ampla concorrência.

     

    Os cursos mais procurados foram os de técnico em segurança do trabalho, com 89.656 inscrições; técnico em informática, 71.850, e técnico em enfermagem, 63.976. Do total de inscrições, 57% foram feitas por candidatas do sexo feminino. Os cursos noturnos tiveram a preferência.

     

    O resultado da primeira convocação pode ser conferido na página do Sisutec na internet.


    Assessoria de Comunicação Social

     

    Leia mais notícias sobre o Sisutec

  • Convocados na 2ª chamada têm último dia para fazer a matrícula

    Os candidatos convocados na segunda chamada do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) do Ministério da Educação têm nesta terça-feira, 27, o último dia para providenciar a matrícula na respectiva instituição de ensino.

     

    As vagas restantes, depois das duas chamadas, serão ocupadas em livre concorrência, por meio de inscrições on-line no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O prazo será aberto na quinta-feira, 29, e se estenderá até 16 de setembro.

     

    A primeira edição do Sisutec recebeu 737.229 inscrições de 383.080 candidatos, que concorreram a 239.792 vagas gratuitas em cursos técnicos para concluintes do ensino médio. Aberto a candidatos que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012, o sistema reservou 85% das vagas a estudantes oriundos de escolas públicas e registrou 523.448 inscrições desses estudantes. Outras 60.308 inscrições foram destinadas a cotistas — a reserva é obrigatória nos institutos federais de educação, ciência e tecnologia. Outros 153.473 candidatos optaram pela ampla concorrência.

     

    Os cursos mais procurados foram os de técnico em segurança do trabalho, com 89.656 inscrições; técnico em informática, 71.850, e técnico em enfermagem, 63.976. Do total de inscrições, 57% foram feitas por mulheres. Os cursos noturnos tiveram a preferência.

     

    O resultado da segunda convocação pode ser conferido na página do Sisutec na internet. As matrículas das vagas remanescentes após as duas chamadas do sistema serão feitas também pela internet, na página do Pronatec.


    Assessoria de Comunicação Social

     

    Leia mais notícias sobre o Sisutec

  • Convocados na 2ª chamada têm último dia para fazer matrícula

    Os candidatos convocados na segunda chamada do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) têm nesta sexta-feira, 8, o último dia para fazer a matrícula, diretamente nas instituições de ensino que oferecem os cursos.

    Nesta edição do Sisutec, a oferta é de 289.341 vagas em cursos técnicos e gratuitos em instituições públicas e particulares e nos serviços nacionais de aprendizagem (sistema S), distribuídas em 466 municípios das 27 unidades da Federação.

    As vagas serão preenchidas prioritariamente por pessoas que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, em instituições particulares, na condição de bolsistas integrais. Além disso, os candidatos devem ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e obtido nota na redação que não seja zero.

    Os candidatos que não foram selecionados em nenhuma das duas chamadas podem concorrer às vagas remanescentes. O prazo de inscrição, na página do Sisutec na internet, vai do dia 11 ao dia 20 próximo.

    Por meio do Sisutec, sistema informatizado do Ministério da Educação, instituições públicas e particulares de educação superior e de educação profissional e tecnológica oferecem vagas gratuitas em cursos técnicos na forma subsequente. Criado em 2013, o sistema integra o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que até julho deste ano registrou 7,6 milhões de matrículas em todo o país.

    Assessoria de Comunicação Social

    Confira os selecionados na segunda chamada

  • Cursos de formação técnica têm inscrições abertas até sábado

    Portadores de diploma do ensino médio têm até sábado, 9, para fazer a inscrição on-line e concorrer a vagas em cursos de formação técnica. As vagas, gratuitas, decorrem do cancelamento de matrículas no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional (Sisutec). Pode concorrer o candidato que concluiu o ensino médio, independentemente de ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

     

    O preenchimento das vagas terá como base a ordem de inscrição. Os selecionados terão dois dias úteis para comparecer à instituição de ensino que oferecer o curso e confirmar a matrícula. Cabe à instituição estruturar plano de recuperação de conteúdos e atividades, a ser apresentado ao candidato no momento da matrícula.

     

    As inscrições, como estabelece a Portaria nº 33/2013, da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação, devem ser feitas na página do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na internet .


    Assessoria de Comunicação Social

  • Cursos estimulam as vocações econômicas em cidades gaúchas

    Em Estância Velha, um curso técnico sobre processamento de couros e peles; em Rio Grande, sobre operação portuária; em Santa Cruz do Sul, sobre gestão e industrialização de fumo. Esses três municípios do Rio Grande do Sul mostram que as vocações econômicas locais definem os cursos técnicos abertos nesta edição do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional (Sisutec). Em todo o estado, o sistema abre 20.527 vagas em diversas áreas da atividade profissional. As inscrições serão encerradas nesta sexta-feira, 25.

    Desde o século 19, a economia em Estância Velha é voltada para atividades com o couro — produção de selas e acessórios de montaria, além de preparo de couro e peles para a fabricação de calçados. O município recebe um curso técnico em curtimento, com 30 vagas, no turno da manhã. A formação, ministrada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), tem carga de 1,2 mil horas.

    A cidade de Rio Grande, que movimenta produtos de exportação e importação na região portuária, abre 80 vagas em dois cursos sobre atividades no setor. Ambos com 800 horas de duração, serão oferecidos na Escola de Educação Profissional São Jorge, nos turnos da manhã e da noite.

    Em Santa Cruz do Sul, são oferecidas 150 vagas em dois cursos sobre agronegócio. O preparo profissional será voltado para a produção, gestão e comercialização de fumo, principal atividade econômica no município, desenvolvida no complexo industrial que abriga mais de 500 indústrias e cerca de quatro mil profissionais autônomos. A formação, com 800 horas, será oferecida pela Escola de Educação Profissional Dom Alberto, nos turnos da manhã e da noite.

    Dos 37 municípios gaúchos que oferecem cursos nesta edição do Sisutec, 20 abrem vagas para técnico em informática, com destaque para Porto Alegre, com 20 cursos e 1.485 vagas. Na mesma área, o município de Gravataí tem cinco cursos e 490 vagas, seguido de Novo Hamburgo com seis cursos e 400 vagas. A formação tem carga de mil horas.

    O Rio Grande do Sul ocupa o terceiro lugar no mapa dos cursos técnicos do Sisutec. Com as 20.527 vagas em diversas áreas profissionais, só é superado por São Paulo (79.274) e Minas Gerais (40.112).

    Sistema — O Sisutec oferece, na atual edição, 289.341 vagas em cursos técnicos a estudantes que tenham concluído o ensino médio e feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2013, com nota na redação que não seja zero. As vagas estão distribuídas em 466 municípios das 27 unidades da Federação.

    Para conhecer o tipo de formação e os campos de trabalho de cada curso, o candidato a vagas no Sisutec deve consultar o Catálogo de Cursos Técnicos, disponível na página do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na internet.

    Os cursos são gratuitos, assim como a inscrição, que deve ser feita na página do Sisutec na internet.

    Ionice Lorenzoni

    Leia também:

    Santa Catarina tem vagas em logística, aviação e área têxtil

    Técnico em logística é o curso com maior oferta de vagas

    Mato Grosso do Sul tem 99 cursos e mais de 5,6 mil vagas

    Automação industrial abre vagas em 43 cursos de 33 municípios

    Área de saúde tem oferta de 21 cursos técnicos pelo Sisutec

    Instituições da Região Norte abrem mais de 16 mil vagas

    Em Tocantins, estão abertas 500 vagas para capacitação técnica

    Agronegócio oferece 500 vagas em cidades mato-grossenses

    Oferta em Pernambuco supera as 20 mil vagas em 20 municípios

  • Cursos na área de design têm 1,89 mil vagas pelo Sisutec

    Estudantes com interesse em quatro áreas de formação vinculadas a design — design de calçados, interiores, joias e móveis — encontram no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) 1.890 vagas em 45 cursos técnicos. Todos os cursos de design têm duração de 800 horas e são gratuitos. As inscrições podem ser feitas até a próxima segunda-feira, 12, pela internet.

     

    O currículo das quatro áreas de formação técnica contempla estudo da ética, raciocínio lógico e estético, empreendedorismo, normas técnicas e ambientais. No curso, o estudante vai desenvolver habilidades de criação, produção, conservação, gerenciamento e marketing.

     

    Desenho, criação, pesquisa, definição de materiais, acompanhamento da produção são parte da formação do profissional do design de calçados. Elaboração e execução de projetos de interiores de residência, comércio, vitrines e exposições, planejamento e organização de espaços são atribuições do profissional de design de interiores.

     

    A formação do técnico em design de joias é voltada para a criação de esboços e desenhos, conhecimento e práticas de técnicas de ourivesaria, lapidação de gemas e acompanhamento do processo de produção. O profissional do design de móveis receberá formação sobre esboços, perspectivas e desenho, pesquisa e definição de materiais, ferragens e acessórios.

     

    As vagas para cursos técnicos em design contemplam unidades da Federação nas cinco regiões do país, principalmente no Sudeste (Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo), e nos três estados do Sul. No Nordeste, apenas o Piauí tem vagas. No Norte, somente o Pará.

     

    No mapa da distribuição de vagas, o curso de design de interiores aparece com 32 cursos e 1.405 vagas, em sete estados. Depois vem design de calçados, com cinco cursos e 200 vagas; design de joias, quatro cursos e 160 vagas, disponível apenas no Distrito Federal, e design de móveis, com quatro cursos e 125 vagas em Minas Gerais, Pará e Rio Grande do Sul.


    Inscrições — O Sisutec abriu 239,7 mil vagas gratuitas em cursos técnicos para jovens e adultos que concluíram o ensino médio e fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2012. Os cursos serão ministrados em 586 instituições de ensino, públicas e particulares em todo o país. As aulas começam neste semestre. A relação de cursos e vagas, cidades e instituições de ensino, além das normas para a inscrição, está na página do Sisutec na internet.


    Ionice Lorenzoni

     

    Leia outras notícias sobre o Sisutec

  • Cursos técnicos do Sisutec já têm mais de 217 mil candidatos inscritos

    O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) atingiu um total de 217.822 candidatos inscritos, até as 19h desta quinta-feira, 8. Como cada candidato pode fazer duas opções, o sistema recebeu 418.167 inscrições. A seleção será feita com base na nota do estudante no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012.

    São oferecidos 117 cursos em diversas áreas, com duração de 800 a 1,2 mil horas em 586 instituições, dentre estabelecimentos de educação superior e escolas técnicas particulares; institutos federais de educação, ciência e tecnologia; escolas técnicas vinculadas a universidades federais; escolas estaduais e municipais e entidades do Sistema S. Participam do Sisutec instituições com indicadores positivos no Ministério da Educação.

     

    Os candidatos que cursaram o ensino médio completo na rede pública ou em instituições particulares na condição de bolsista integral terão prioridade na ocupação de 85% das vagas oferecidas na seleção, todas gratuitas. Cada participante poderá se inscrever em até dois cursos técnicos.

     

    O resultado da primeira das duas chamadas será divulgado no dia 14 próximo. A matrícula deve ser feita nos dias 15 e 16. O resultado da segunda convocação está previsto para o dia 19, com matrícula no dia seguinte. O processo seletivo será aberto duas vezes por ano, como no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona estudantes para instituições públicas de educação superior.

     

    As inscrições devem ser feitas na página do Sisutec na internet. O novo sistema foi instituído pela Portaria do MEC nº 671, de 31 de julho de 2013, publicada no Diário Oficial da União do dia 1º de agosto, seção 1, páginas 14 e 15, e suas normas constam do Edital nº 1/2013 da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do MEC, publicado no Diário Oficial de segunda-feira, 5, seção 3, páginas 61 e 62.


    Assessoria de Comunicação Social

     

    Leia outras notícias sobre o Sisutec

     

     

  • Dilma anuncia seleção unificada também para o ensino técnico

    De acordo com Dilma, o Sisutec vai facilitar o acesso aos cursos do Pronatec para quem já terminou o ensino médio e agora pretende cursar o ensino técnico (foto: João Neto/MEC – 8/11/12)A presidenta da República, Dilma Rousseff anunciou nesta segunda-feira, 22, a abertura, em agosto próximo, do Sisutec, o Sistema de Seleção Unificada para Cursos Técnicos. A criação do sistema se dará por meio de portaria, a ser publicada no Diário Oficialda União. O anúncio foi feito por Dilma em seu programa semanal de rádio, o Café com a Presidenta.

    “Com o Sisutec, estamos usando um modelo de sucesso, do Sisu e do ProUni, para preencher as vagas que estamos criando no ensino técnico”, afirmou Dilma. “O Sisutec vai facilitar o acesso aos cursos técnicos do Pronatec para quem já terminou o ensino médio e agora quer fazer o ensino técnico.”

    Nesta primeira edição do Sisutec serão ofertadas cerca de 40 mil vagas. Como no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação, os estudantes que se inscreverem no Sisutec serão selecionados com base na nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Institutos federais de educação, ciência e tecnologia, instituições do Sistema S, escolas técnicas das redes estaduais e universidades informarão o número de vagas disponíveis no cadastro do Sisutec. O estudante terá acesso on-line ao cadastro para em seguida fazer a inscrição, com a indicação da escola e do curso de preferência.

    “Quem concluiu o ensino médio e não teve acesso a uma universidade vai agora ter a oportunidade de fazer um bom curso técnico”, salientou Dilma. Segundo ela, essa é uma excelente oportunidade para quem pretende se especializar.

    A presidenta também destacou os avanços do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego (Pronatec). Segundo ela, 1,25 milhão de jovens, alunos de escolas públicas, fizeram ou estão fazendo os cursos técnicos oferecidos pelo Pronatec.

    No programa de rádio, ela também falou sobre cursos de qualificação profissional, que já receberam 2,75 milhões de matrículas. “Precisamos de técnicos muito bem formados para ajudar a melhorar a qualidade do emprego”, destacou. “Para que as pessoas possam ter melhor salário, além de melhorar a produtividade da indústria, agregando valor aos nossos produtos e serviços e, assim, aumentando a competitividade da nossa economia.”

    O Pronatec oferece cursos técnicos a estudantes de ensino médio, com duração média de um ano e meio, e cursos de qualificação profissional para trabalhadores, de dois a quarto meses. Outra iniciativa são os cursos do Pronatec Brasil sem Miséria, para formação de beneficiários cadastrados no programa Bolsa-Família. A duração também varia de dois a quarto meses.

    Assessoria de Comunicação Social
  • Em balanço das 10h30, Sisutec registra 353.399 inscrições. Prazo é 21 de março

    O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) atingiu 353.399 inscrições, de acordo com balanço das 10h30 desta terça-feira, 18. O prazo para que os candidatos se inscrevam, exclusivamente on-line, vai até 21 de março.

    A primeira edição de 2014 do Sisutec oferece 291.338 vagas em cursos técnicos subsequentes, para pretendentes que já concluíram o ensino médio. Os cursos são gratuitos e têm início previsto para o período de 14 de abril a 12 de maio.

    As vagas para os cursos serão ocupadas, prioritariamente, por estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, se em instituições privadas, na condição de bolsista integral. O aluno também deverá ter se submetido à edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) referente a 2013 e, cumulativamente, ter obtido nota acima de zero na prova de redação.

    A divulgação dos resultados, em primeira chamada, está prevista para 25 de março, e a segunda chamada para 1º de abril. Após a realização das duas chamadas, todos aqueles que tenham concluído o ensino médio poderão se candidatar às vagas remanescentes.

    A oferta de cursos do Sisutec é feita em instituições públicas e privadas. O Pronatec já ofertou mais de 6 milhões de matrículas, sendo 1,7 milhão em cursos técnicos e 4,3 milhões em cursos de qualificação profissional.

    Acesse a página do Sisutec.

    Assessoria de Comunicação Social

  • Em balanço das 11h, Sisutec registra 548.625 inscrições. Prazo é 21 de março

    O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) atingiu 548.625 inscrições, de acordo com balanço das 11h desta quarta-feira, 19. O prazo para que os candidatos se inscrevam, exclusivamente on-line, vai até 21 de março.

    Até o momento, os cursos mais procurados pelos concorrentes a uma vaga no Sisutec foram: técnico em segurança do trabalho, com 70.244 inscrições; técnico em logística, com 59.792 inscrições; técnico em enfermagem, com 42.624 inscrições; técnico em informática, com 33.258, e por fim, técnico em edificações, com 27.759 inscrições.

    A primeira edição de 2014 do Sisutec oferece 291.338 vagas em cursos técnicos subsequentes, para pretendentes que já concluíram o ensino médio. Os cursos são gratuitos e têm início previsto para o período de 14 de abril a 12 de maio.

    As vagas para os cursos serão ocupadas, prioritariamente, por estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, se em instituições privadas, na condição de bolsista integral. O aluno também deverá ter se submetido à edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) referente a 2013 e, cumulativamente, ter obtido nota acima de zero na prova de redação.

    A divulgação dos resultados, em primeira chamada, está prevista para 25 de março, e a segunda chamada para 1º de abril. Após a realização das duas chamadas, todos aqueles que tenham concluído o ensino médio poderão se candidatar às vagas remanescentes.

    A oferta de cursos do Sisutec é feita em instituições públicas e privadas. O Pronatec já ofertou mais de 6 milhões de matrículas, sendo 1,7 milhão em cursos técnicos e 4,3 milhões em cursos de qualificação profissional.

    Acesse a páginado Sisutec

    Assessoria de Comunicação Social

  • Em balanço das 18h30, Sisutec registra 661.825 inscrições. Prazo é até sexta-feira

    O Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) atingiu 661.825 inscrições, de acordo com balanço das 18h30 desta quarta-feira, 19. O prazo para que os candidatos se inscrevam, exclusivamente on-line, vai até sexta-feira, 21 de março.

    Até o momento, os cursos mais procurados pelos concorrentes a uma vaga no Sisutec foram: técnico em segurança do trabalho, com 83.260 inscrições; técnico em logística, com 72.277  inscrições; técnico em enfermagem, com 50.677 inscrições; técnico em informática, com 39.896 inscrições, e por fim, técnico em radiologia, com 32.456 inscrições.

    A primeira edição de 2014 do Sisutec oferece 291.338 vagas em cursos técnicos subsequentes, para pretendentes que já concluíram o ensino médio. Os cursos são gratuitos e têm início previsto para o período de 14 de abril a 12 de maio.

    As vagas para os cursos serão ocupadas, prioritariamente, por estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, se em instituições privadas, na condição de bolsista integral. O aluno também deverá ter se submetido à edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) referente a 2013 e, cumulativamente, ter obtido nota acima de zero na prova de redação.

    A divulgação dos resultados, em primeira chamada, está prevista para 25 de março, e a segunda chamada para 1º de abril. Após a realização das duas chamadas, todos aqueles que tenham concluído o ensino médio poderão se candidatar às vagas remanescentes.

    A oferta de cursos do Sisutec é feita em instituições públicas e privadas. O Pronatec já ofertou mais de 6 milhões de matrículas, sendo 1,7 milhão em cursos técnicos e 4,3 milhões em cursos de qualificação profissional.

    Acesse a página do Sisutec

    Assessoria de Comunicação Social




  • Em Tocantins, estão abertas 500 vagas para capacitação técnica

    Tocantins, a mais nova das 27 unidades da Federação, abre 500 vagas em cinco cursos técnicos nesta edição do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Os cursos de segurança do trabalho, redes de computadores, edificações, eletrotécnica e enfermagem têm oferta nas cidades de Araguaína, Gurupi, Palmas, Augustinópolis e Ananás. O Sisutec recebe inscrições até esta sexta-feira, 25.

    O curso em segurança do trabalho é o que apresenta maior número de vagas (270). Com 1,2 mil horas de duração, prepara o profissional para atuar em ações preventivas no controle de riscos ambientais, de acordo com normas e princípios de higiene e saúde do trabalho. As possibilidades de emprego são encontradas em instituições públicas e particulares e também representantes de equipamentos de segurança.

    Em Augustinópolis e Ananás, são ofertadas 170 vagas nos turnos vespertino e matutino para o curso de técnico em enfermagem.  A capacitação prepara o profissional para trabalhar em hospitais, clínicas, postos de saúde, empresas e domicílios.

    Os outros cursos abertos no estado são os de técnico em eletrotécnica, com 40 vagas no município de Gurupi, e edificação e redes de computadores, em Araguaína, com 30 vagas cada um.

    Sistema — No momento da inscrição no Sisutec, o candidato pode fazer até duas opções de curso. As vagas serão preenchidas prioritariamente por pessoas que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, em instituições particulares, na condição de bolsistas integrais. Além disso, os candidatos devem ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e obtido nota na redação que não seja zero.

    Por meio do Sisutec, sistema informatizado do Ministério da Educação, instituições públicas e particulares de educação superior e de educação profissional e tecnológica oferecem vagas gratuitas em cursos técnicos na forma subsequente. Criado em 2013, o sistema integra o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que até julho deste ano registrou 7,6 milhões de matrículas em todo o país.

    Para conhecer o tipo de formação e os campos de trabalho de cada curso, o candidato a vagas no Sisutec deve consultar o Catálogo de Cursos Técnicos, disponível on-line na página do Pronatec.

    As inscrições, gratuitas, devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Mylene Brum Oliveira

    Leia também:

    Santa Catarina tem vagas em logística, aviação e área têxtil

    Técnico em logística é o curso com maior oferta de vagas

    Mato Grosso do Sul tem 99 cursos e mais de 5,6 mil vagas

    Automação industrial abre vagas em 43 cursos de 33 municípios

    Área de saúde tem oferta de 21 cursos técnicos pelo Sisutec

    Instituições da Região Norte abrem mais de 16 mil vagas

  • Há vagas em cursos técnicos para quem tem ensino médio

    Estudantes com ensino médio completo e que queiram fazer um curso técnico gratuito, devem ficar atentos para a oferta de vagas remanescentes do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Para concorrer é preciso ter feito o ensino médio em escola pública ou na rede particular com bolsa integral.

     

    As inscrições estão abertas até 16deste mês. Nesta etapa, o preenchimento das vagas é feito por ordem de inscrição no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) do Ministério da Educação, on-line. Feita a inscrição, o aluno tem dois dias úteis para ir à instituição onde pretende estudar e fazer a matrícula. Só com a matrícula feita a vaga estará garantida.

     

    Quando o inscrito não faz a matrícula no prazo, a vaga retorna para o sistema e é aberta novamente. Isso significa que, ainda que o estudante verifique hoje e não encontre vaga no curso pretendido, poderá encontrá-la após o fim do período de matrícula, caso um candidato inscrito não tenha cumprido o prazo.


    Vagas– Até o final da tarde desta segunda-feira, 2, o sistema tinha vagas em cidades das cinco regiões do país. Em Goiânia, por exemplo, estavam abertas vagas em nove tipos de curso, inclusive para técnico em informática, técnico em informática para rede, técnico em informática para internet e técnico em redes de computadores, que foi o tipo de formação que ocupou o segundo lugar entre os cursos mais procurados no Sisutec, quando a seleção foi pela nota do Enem.

     

    Em Teixeira de Freitas (BA), em Blumenau (SC) e em Americana (SP) também existem vagas para diversas áreas do conhecimento, com ênfase para informática, logística, eletroeletrônica, computação gráfica, automação industrial, cuidador de idoso.


    Matrícula – Para garantir a vaga, o aluno precisa fazer a matrícula. Na instituição que oferece o curso, deve apresentar os seguintes documentos originais, acompanhados de cópias:

     

    • Certificado de conclusão do ensino médio
    • Histórico escolar do ensino médio
    • Certidão de nascimento ou de casamento
    • Carteira de identidade, ou carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação (CNH), passaporte ou carteira de identidade profissional.
    • Cadastro de pessoa física (CPF)
    • Título de eleitor e comprovantes de votação (primeiro e segundo turnos) ou documento oficial de justificativa por não ter votado – para maiores de 18 anos
    • Certificado militar, para maiores de 18 anos e do sexo masculino
    • Comprovante de residência
    • Uma foto 3x4, recente.

    Ionice Lorenzoni


    Acesse a página do Pronatec na internet, onde deve ser feita a inscrição
  • Inscrições para cursos oferecidos pelo Sisutec podem ser feitas até sexta-feira, 25

    As inscrições para cursos profissionalizantes pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec), abertas nesta segunda-feira, 21, podem ser feitas até sexta-feira, 25. Nesta segunda edição do Sisutec em 2014, a oferta é de 289.341 vagas em cursos técnicos e gratuitos em instituições públicas e particulares e nos serviços nacionais de aprendizagem (sistema S), distribuídas em 466 municípios das 27 unidades da Federação.

    No momento da inscrição, o candidato pode fazer até duas opções de curso. As vagas serão preenchidas prioritariamente por pessoas que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, em instituições particulares, na condição de bolsistas integrais. Além disso, os candidatos devem ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e obtido nota na redação que não seja zero.

    Por meio do Sisutec, sistema informatizado do Ministério da Educação, instituições públicas e particulares de educação superior e de educação profissional e tecnológica oferecem vagas gratuitas em cursos técnicos na forma subsequente. Criado em 2013, o sistema integra o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que até julho deste ano registrou 7,6 milhões de matrículas em todo o país.

    As inscrições, gratuitas, devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Assessoria de Comunicação Social

    Leia também:

    Terceira edição do Sisutec oferece 289,3 mil vagas; inscrições a partir de segunda-feira

  • Inscrições para cursos técnicos do Sisutec foram prorrogadas até domingo, 27

    Os candidatos às vagas ofertadas pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) têm uma oportunidade a mais para concorrer a uma das 289.341 vagas disponíveis. As inscrições foram prorrogadas até as 23h59 do domingo, 27.

    Esta segunda edição de 2014 oferece vagas em cursos técnicos em instituições públicas e particulares e nos serviços nacionais de aprendizagem (sistema S), distribuídas em 466 municípios em todas as unidades da Federação.

    Os cursos mais procurados até o momento são os de técnico em segurança do trabalho, logística, enfermagem, informática e radiologia. Mas a oferta é diversificada, com cursos técnicos em mecânica, análises clínicas, design de interiores, eletrônica e petróleo e gás, entre outros.

    As vagas serão preenchidas prioritariamente por pessoas que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, em instituições particulares, na condição de bolsistas integrais. Além disso, os candidatos devem ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e obtido nota na redação que não seja zero.

    Criado em 2013, o sistema integra o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que até julho deste ano registrou 7,6 milhões de matrículas em todo o país. Para conhecer o tipo de formação e os campos de trabalho de cada curso, o candidato a vagas no Sisutec deve consultar o Catálogo de Cursos Técnicos, disponível on-line na página do Pronatec.

    As inscrições, gratuitas, devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Assessoria de Comunicação Social

    Leia também:
    Santa Catarina tem vagas em logística, aviação e área têxtil
    Técnico em logística é o curso com maior oferta de vagas
    Mato Grosso do Sul tem 99 cursos e mais de 5,6 mil vagas
    Automação industrial abre vagas em 43 cursos de 33 municípios
    Área de saúde tem oferta de 21 cursos técnicos pelo Sisutec
    Instituições da Região Norte abrem mais de 16 mil vagas
    Em Tocantins, estão abertas 500 vagas para capacitação técnica
    Agronegócio oferece 500 vagas em cidades mato-grossenses
    Oferta em Pernambuco supera as 20 mil vagas em 20 municípios
    Cursos estimulam as vocações econômicas em cidades gaúchas

  • Inscrições para cursos técnicos gratuitos do Sisutec devem ser feitas até esta quarta-feira

    Os candidatos a vagas em cursos técnicos gratuitos oferecidos por meio do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) têm prazo até esta quarta-feira, 20, para fazer a inscrição pela internet. Ainda há diversas opções de formação profissional nas áreas da saúde, informática e construção civil, entre outras. Tanto a inscrição quanto o curso são gratuitos, e as vagas estão disponíveis em escolas espalhadas nas cinco regiões do país.

    Nesta etapa, para participar basta ter o certificado do ensino médio, e não é necessário ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Cada vaga é ocupada por ordem de inscrição; depois de inscrito, o aluno tem dois dias para fazer a matrícula na escola onde vai fazer o curso técnico. O candidato que não fizer a matrícula perde a vaga, que retorna para o sistema.

    Portanto, o estudante que pretende fazer um curso técnico deve se manter atento e consultar o sistema durante todo o processo de seleção.

    Catálogo – Para orientar os estudantes sobre os cursos técnicos – os conteúdos que serão estudados, o tempo de duração (de 800 horas a 1,2 mil horas), estágio, campo de trabalho, entre outras informações – o MEC criou o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos. Abra o catálogo e conheça o curso antes de fazer a inscrição. As inscrições devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Assessoria de Comunicação Social

  • Inscrições para cursos técnicos podem ser feitas até 3 de julho

    Os candidatos a vagas em cursos técnicos gratuitos têm até 3 de julho próximo para fazer a inscrição, pela internet, no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) do Ministério da Educação. Por meio do Sisutec, a iniciativa Bolsa-Formação, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), oferece cursos técnicos a pessoas que concluíram o ensino médio.

    A edição de 2015 do Sisutec oferece 83.641 vagas em 515 municípios de todos os estados e no Distrito Federal. Os cursos têm início previsto para o período de 3 a 31 de agosto próximo. São responsáveis pela oferta de cursos os institutos federais de educação, ciência e tecnologia, as redes públicas estaduais, as instituições particulares habilitadas pelo Pronatec e os serviços nacionais de aprendizagem do Sistema S.

    As vagas para os cursos serão ocupadas, prioritariamente, por estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, em instituições particulares, na condição de bolsistas integrais. O candidato também deve comprovar participação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014, com nota na prova de redação que não tenha sido zero.

    A divulgação dos resultados, em primeira chamada, está prevista para 7 de julho e, em segunda chamada, para o dia 14 do mesmo mês. Após a realização das duas chamadas, todos os estudantes que tenham concluído o ensino médio entre 2012 e 2014 podem concorrer às vagas remanescentes.

    Mais informações no Edital nº 5/2015, da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do MEC, retificado pelo Edital nº 6/2015.

    As inscrições devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Assessoria de Comunicação Social

    Confira as vagas do Sisutec por estado e por curso

  • Inscrições para cursos técnicos serão abertas na segunda-feira

    Os candidatos a vagas em cursos técnicos gratuitos podem fazer a inscrição pela internet, a partir de segunda-feira, 29, no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) do Ministério da Educação. Por meio do Sisutec, a iniciativa Bolsa-Formação, do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), oferece cursos técnicos a pessoas que concluíram o ensino médio. O período de inscrições vai até 3 de julho próximo.

    A edição de 2015 do Sisutec oferece 83.641 vagas em 515 municípios de todos os estados e no Distrito Federal. Os cursos têm início previsto para o período de 3 a 31 de agosto próximo. São responsáveis pela oferta de cursos os institutos federais de educação, ciência e tecnologia, as redes públicas estaduais, as instituições particulares habilitadas pelo Pronatec e os serviços nacionais de aprendizagem do Sistema S.

    As vagas para os cursos serão ocupadas, prioritariamente, por estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escolas da rede pública ou, em instituições particulares, na condição de bolsistas integrais. O candidato também deve comprovar participação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014, com nota na prova de redação que não tenha sido zero.

    A divulgação dos resultados, em primeira chamada, está prevista para 7 de julho e, em segunda chamada, para o dia 14 do mesmo mês. Após a realização das duas chamadas, todos os estudantes que tenham concluído o ensino médio entre 2012 e 2014 podem concorrer às vagas remanescentes.

    Mais informações no Edital nº 5/2015, da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do MEC, retificado pelo Edital nº 6/2015.

    Assessoria de Comunicação Social

    Confira as vagas do Sisutec por estado e por curso

  • Inscrições para cursos técnicos terminam nesta quarta-feira

    Termina nesta quarta-feira, 20, o prazo de inscrição, exclusivamente pela internet, para os candidatos a vagas em cursos técnicos gratuitos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Há opções de formação profissional nas áreas da saúde, informática e construção civil, entre outras. Tanto a inscrição quanto o curso são gratuitos. As vagas estão disponíveis em instituições de ensino das cinco regiões do país.

    Nesta etapa do sistema, basta ao candidato ter o certificado do ensino médio. Não é necessário ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Cada vaga é ocupada por ordem de inscrição. Depois de inscrito, o estudante tem dois dias para providenciar a matrícula na instituição em que fará o curso técnico. Quem deixar de efetuar a matrícula perderá a vaga, que retornará ao sistema. Portanto, quem pretende fazer curso técnico deve consultar o sistema durante todo o processo de seleção.

    Guia —  Para orientar os estudantes sobre os cursos técnicos — conteúdo a ser estudado, tempo de duração (de 800 horas a 1,2 mil horas), estágio, campo de trabalho, entre outras informações —, o Ministério da Educação criou o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos. O candidato deve consultar esse guia para conhecer o curso antes de se inscrever.

    As inscrições devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Assessoria de Comunicação Social

  • Inscrições para o Sisutec terminam às 23h59; são 289.341 vagas

    Os candidatos ao Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec) têm até as 23h59 para fazer a inscrição pela internet. São 289.341 vagas em cursos técnicos e gratuitos em instituições públicas e particulares e nos serviços nacionais de aprendizagem (sistema S), distribuídas em 466 municípios em todas as unidades da Federação.

    O número de candidatos ao (Sisutec) alcançou 349.131 até às 18h deste domingo, 27, último dia para as inscrições.

    Para concorrer a uma vaga os candidatos devem ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 e obtido nota na redação que não seja zero.

    Criado em 2013, o sistema integra o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que até julho deste ano registrou 7,6 milhões de matrículas em todo o país. Para conhecer o tipo de formação e os campos de trabalho de cada curso, o candidato a vagas no Sisutec deve consultar o Catálogo de Cursos Técnicos, disponível on-line na página do Pronatec.

    As inscrições, gratuitas, devem ser feitas na página do Sisutec na internet.

    Assessoria de Comunicação Social

Fim do conteúdo da página