Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
  • Inep apresenta vídeos tutoriais sobre preenchimento do censo

    Responsáveis pelo preenchimento dos dados do Censo Escolar 2017 já podem contar com um passo a passo de algumas funcionalidades. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) oferece, tanto em seu portal quanto em seu perfil no YouTube, vídeos tutorias com explicações práticas. O objetivo é ajudar os diretores ou responsáveis pelas escolas, além das secretarias municipais e estaduais de educação, a repassarem os dados para o sistema Educacenso.

    Para a matrícula inicial, etapa iniciada na última quarta-feira, 31 de maio, e que fica aberta até 31 de julho, há tutoriais sobre o cadastro de usuário no Educacenso, declaração dos dados do gestor escolar, autenticação no sistema, informação de tempo integral e atualização de dados cadastrais.

    Na página do Censo Escolar no portal do Inep, na seção Matrícula Inicial, é possível conferir informações detalhadas da coleta do censo, com acesso aos documentos orientadores de preenchimento, às perguntas frequentes, à navegação guiada, aos documentos da migração e aos próprios vídeos tutoriais.

    Veja mais detalhes na página do Censo Escolar.
    O tutorial pode ser visto no YouTube.

    Assessoria de Comunicação Social, com informações do Inep

  • Tutoriais em português e em libras explicam como fazer a inscrição


    Candidatos ao
    Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 podem contar com um novo recurso na hora de se inscreverem. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia vinculada ao Ministério da Educação, preparou tutoriais em português e em língua brasileira de sinais (libras) para os dois tipos de inscrição: completa ou simplificada.

    O próprio sistema, a partir do CPF, direciona para uma dessas versões, considerando se aquele participante solicitou ou não a isenção. As inscrições do Enem são feitas exclusivamente pela internet, na Página do Participante, disponível no portal do Inep. Nesse mesmo endereço estão as orientações ao candidato, com link para os tutoriais.

    Este ano, por causa da antecipação da solicitação de isenção, o processo de inscrição também mudou.  A inscrição simplificada deve ser feita por quem já passou pelo sistema de isenção, em abril, informou previamente vários dados e, portanto, tem menos campos para preencher. Os demais participantes farão a inscrição completa, assim como os concluintes do ensino médio em 2018, na rede pública, que por algum motivo deixaram de solicitar a isenção no período apropriado. Em função da mudança no formato, o Inep vai assegurar a gratuidade a esses concluintes.

    Outra novidade se refere ao atendimento especializado. Os participantes do Enem 2017 que tiveram aprovado o laudo de comprovação do código de Classificação Internacional de Doenças (CID) não precisarão apresentar novo laudo em 2018 se a solicitação for para a mesma necessidade. As provas do Enem 2018 serão aplicadas em 4 e 11 de novembro.

    Sistema simplificado– Para esta modalidade, o acesso com CPF e senha previamente cadastrada se destina aos candidatos que tiveram solicitação de isenção de taxa de inscrição aprovada, bem como os de solicitação reprovada; e aos concluintes do ensino médio, em 2018, em escola de rede púbica, que se ausentaram em 2017 e tiveram a justificativa de ausência reprovada.

    Sistema completo– Devem fazer inscrição por esse sistema os concluintes do ensino médio, em 2018, em escola da rede pública, que não solicitaram isenção; e os candidatos que acessam o sistema pela primeira vez.

    Clique aqui para acessar o tutorial da inscrição simplificada.

    O tutorial da inscrição simplificada em libras pode ser conferido nesta página.

    Se você vai fazer a inscrição pelo sistema completo, clique aqui.

    Veja também o tutorial da inscrição completa em libras está disponível aqui.

    Assessoria de Comunicação Social

     

Fim do conteúdo da página