Ministério da Educação - Ministério da Educação Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Todas as notícias > Professora de Goiânia resgata brincadeiras e recebe prêmio
Início do conteúdo da página

Programa Banda Larga nas Escolas

O Programa Banda Larga nas Escolas (PBLE) tem como objetivo conectar todas as escolas públicas urbanas à internet, rede mundial de computadores, por meio de tecnologias que propiciem qualidade, velocidade e serviços para incrementar o ensino público no País. O Programa Banda Larga nas Escolas foi lançado no dia 04 de abril de 2008 pelo Governo Federal, por meio do Decreto nº 6.424 que altera o Plano Geral de Metas para a Universalização do Serviço Telefônico Fixo Comutado Prestado no Regime Público – PGMU (Decreto nº 4.769). Com a assinatura do Termo Aditivo ao Termo de Autorização de exploração da Telefonia Fixa, as operadoras autorizadas trocam a obrigação de instalarem postos de serviços telefônicos (PST) nos municípios pela instalação de infraestrutura de rede para suporte a conexão à internet em alta velocidade em todos os municípios brasileiros e conexão de todas as escolas públicas urbanas com manutenção dos serviços sem ônus até o ano de 2025.

A gestão do Programa é feita em conjunto pelo Ministério da Educação (MEC) e pela Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), em parceria com o Ministério das Comunicações (MCOM), o Ministério do Planejamento (MPOG) e com as Secretarias de Educação Estaduais e Municipais.


Consulta à lista de escolas já conectadas


Leis

Veja as leis que regem e norteiam o Programa Banda Larga nas Escolas:

  • Decreto nº 2.592 (Aprova o Plano Geral de Metas para a Universalização  do Serviço Telefonico Fixo Comutado Prestado No Regime Publico - PGMU)
  • Decreto nº 4.769 (Revoga alínea “b” do inciso II do art. 7º do Plano Geral de Metas para a Universalização do Serviço Telefônico Fixo Comutado Prestado no Regime Público – PGMU)
  • Decreto nº 6.424 (Altera e acresce dispositivos ao Anexo do Decreto no 4.769)

Adequação de atendimento a partir de 2010

Termos Aditivos

Veja aqui os termos Aditivos assinados pelas Operadoras e Anatel e respectivas obrigações e direitos de cada parte (Operadoras, Governos e Escolas).

Material de leitura

Sistemas para monitoramento dos laboratórios

Informativos


Fale Conosco

Telefone: 0800 616161
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


DENÚNCIAS

Para denúncias de não cumprimento da obrigação das operadoras o contato deve ser feito com a Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL) pelo telefone 133 ou pelos telefones da Superintendência de Serviços Privados de Telecomunicações pelos números: (61) 2312-2319/ (61) 2312-2307/ (61) 2312-1881/ (61) 2312-1686.

X
Fim do conteúdo da página