Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Experiências inovadoras recebem prêmios
Início do conteúdo da página
Educação profissional

Centro federal vai capacitar pessoal de TV para Olimpíadas

  • Quarta-feira, 08 de abril de 2015, 18h34

O Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet-RJ) foi selecionado como uma das unidades de formação do Programa de Capacitação em Transmissão Televisiva, que vai preparar os profissionais responsáveis pela transmissão dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Entre as cinco instituições selecionadas, o Cefet-RJ é o único da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica a oferecer e realizar o treinamento.

A instituição fluminense ficará responsável pela preparação de 415 pessoas. No total, o programa formará aproximadamente 2,5 mil profissionais para atuar em 12 funções relacionadas às áreas de tecnologia, engenharia, administrativa e de suporte durante os Jogos. A capacitação está prevista para outubro e novembro próximo, com duração de dois e seis dias, de acordo com a função.

De acordo com o vice-diretor do Cefet-RJ, Maurício Saldanha Motta, a instituição foi indicada como centro de capacitação pelo Comitê Organizador dos Jogos. “A escolha é uma forma de reconhecimento à atuação de excelência do Centro Federal Celso Suckow na formação tecnológica”, afirmou.

Após o treinamento, os participantes podem ser escolhidos para compor a equipe oficial dos Jogos Olímpicos. Serão selecionadas 1.250 pessoas para trabalhar nas arenas de competição e no Centro de Transmissão Televisiva Internacional, que realizará todas as operações de transmissão durante as Olimpíadas.

Cobertura — O programa de capacitação é coordenado pela organização Serviços Olímpicos de Transmissão Televisiva — Olympic Broadcasting Service (OBS) —, criada pelo Comitê Olímpico Internacional, em 1984, para ser a emissora anfitriã de todas as edições dos Jogos Olímpicos. Durante os 17 dias de jogos no Rio de Janeiro, a OBS produzirá 600 horas de cobertura, que serão transmitidas para 150 emissoras de todo o mundo.

Além do Cefet-RJ, participam do programa a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), a Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio de Janeiro, a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e as Faculdades Integradas Hélio Alonso (Facha).

Assessoria de Comunicação Social

X
Fim do conteúdo da página