Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação superior

Mais Cultura nas Universidades divulga instituições habilitadas

  • Sexta-feira, 12 de junho de 2015, 17h39

Os ministérios da Cultura (MinC) e da Educação divulgaram, nesta sexta-feira, 12, a lista preliminar das instituições classificadas no processo seletivo do programa Mais Cultura nas Universidades, que destinará R$ 20 milhões para a realização de projetos que desenvolvam e fortaleçam a arte e cultura brasileiras, com ênfase na inclusão social e no respeito e reconhecimento da diversidade cultural. Cada instituição contemplada receberá entre R$ 500 mil e R$ 1,5 milhão.

Nesta primeira edição, o programa recebeu adesão de todas as universidades federais e da quase totalidade dos institutos federais do país. A lista preliminar apresenta as instituições habilitadas e não habilitadas no processo de seleção. Os planos não habilitados são aqueles que não respeitaram o item 4.2 do edital, ou seja, constituíam mais de uma proposta. As notas dadas ao comitê técnico para os planos de cultura inscritos no edital serão enviadas aos endereços eletrônicos cadastrados de cada instituição proponente.

As instituições podem entrar com recurso desta sexta-feira (12) até a próxima quarta-feira (17), por meio de formulário específico disponibilizado nesta página, que deve ser enviado para o endereço eletrônico Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. A lista com o resultado final do processo será publicada no dia 3 de julho.

Instituído em parceria pelo MinC e pelo MEC, o Programa Mais Cultura nas Universidades permite o fortalecimento do ensino superior de graduação, pós-graduação e cursos técnicos nas áreas de cultura e arte, a partir do fomento aos planos de cultura que contemplem, em especial, o incremento e circulação da pesquisa em cultura, em seus diferentes níveis, o fomento da extensão universitária em cultura, a melhoria de equipamentos culturais de universidades e institutos federais e o estímulo e promoção de eventos, mostras, festivais, grupos, redes, ações e circuitos culturais.

Cada plano de cultura precisou contemplar e relacionar um ou mais dos seguintes eixos temáticos: educação básica; arte, comunicação, cultura das mídias e audiovisual; arte e cultura digitais; diversidade artístico-cultural; produção e difusão das artes e linguagens; economia criativa, empreendedorismo artístico e inovação cultural; arte e cultura: formação, pesquisa, extensão e inovação; memória, museus e patrimônio artístico-cultural. O desenvolvimento dos planos de cultura terá duração de 12 a 24 meses.

Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Cultura

Confira a lista preliminar de instituições classificadas
Leia o extrato
no Diário Oficial da União
Acesse o formulário
para recurso
Acesse o endereço
eletrônico para envio de recursos

X
Fim do conteúdo da página