Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Debate

Ministro da Educação fala sobre a reforma do ensino médio em aula inaugural de colégio em Recife

  • Quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017, 18h20

O ministro da Educação, Mendonça Filho, debateu com estudantes de Recife, na última segunda-feira, 13, a reforma do ensino médio, aprovada pelo Senado em 8 de fevereiro e à espera de sanção presidencial. Ele falou sobre as principais mudanças que a reformulação trará, na prática, para os estudantes. A discussão foi realizada durante a aula inaugural do ano letivo de 2017 do colégio Motivo, com a presença de alunos, professores, pais e sociedade civil.

Mendonça Filho defendeu a importância da educação para a sociedade como um todo. “Não há nenhuma sociedade desenvolvida, evoluída se a gente não promover a equidade através da educação”, disse. “Educação é a base de transformação social de qualquer povo, e a gente tem que investir forte numa educação de qualidade para gerar mais oportunidades, principalmente para os mais pobres.”

Os desafios da educação, afirmou o ministro, também estão nos investimentos que são direcionados a ela. “Não basta aumentar os investimento em educação. É fundamental, sobretudo, melhorar a qualidade desse investimento, para aí sim melhorarmos a alfabetização, o desempenho do ensino fundamental, o acesso ao nível médio, a oportunidade na formação técnica profissional e o acesso ao ensino superior”, acrescentou.

O ministro lembrou que, sem educação de qualidade, não há sociedade desenvolvida (Foto: Rafael Carvalho/MEC)O aluno do ensino médio João Pedro Barreto aprovou as mudanças sugeridas na Medida Provisória nº 746, que reformula o ensino médio no país. Segundo ele, o debate foi fundamental para que ele compreendesse a proposta. “É uma mudança muito mais radical do que eu esperava”, disse. João Pedro observou que “uma mudança na educação era necessária e urgente”. “Acho que uma das falhas dos governos anteriores foi não ter debatido tanto a educação, que é a base para tudo. Não existe nenhuma outra área profissional que não seja fruto da educação.”

A estudante Giovana Palas Soares Santos também celebrou o debate apresentado na escola onde vai cursar o terceiro ano do ensino médio. “Eu acho que todo debate sobre educação é muito importante, principalmente num país como o Brasil, em que pouco se fala sobre isso”, disse. “Foi importante a gente saber, por exemplo, se o que está sendo falado na internet é verdade ou não”, concluiu.

O ministro Mendonça Filho defendeu que “o debate é sempre bom, rico e a gente aprende bastante”. Segundo ele, “é onde a gente cria oportunidade para crítica, contribuições e colaborações das mais diversas”.

Assessoria de Comunicação Social

 

X
Fim do conteúdo da página