Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias
Início do conteúdo da página
Notícias

“Espero viver para ver nossos alfabetizandos entrando na universidade”, diz Lula

  • Segunda-feira, 24 de outubro de 2005, 15h05

Foto: Ricardo Stuckert/PRMilhares de pessoas participaram, no sábado, 22, da cerimônia de diplomação de 39 mil alunos de alfabetização e educação de jovens e adultos (EJA) em turmas dos programas Brasil Alfabetizado e Transformar. A formatura, na antiga Cidade do Rock, em Jacarepaguá (Rio de Janeiro), teve a presença do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, do ministro da Educação, Fernando Haddad, e do presidente da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), Eduardo Eugênio, além de outras autoridades. As turmas são mantidas por uma parceria entre o MEC e a Firjan.

Seis formandos subiram ao palco para receber do presidente Lula, do ministro Haddad e do presidente da Firjan seus diplomas. Uma das alunas de EJA a concluir a primeira etapa do ensino fundamental, Maria das Dores Santos Silva, 94 anos, leu discurso em que falou da importância de estudar, em qualquer idade. “Não desistir pode ser um bom conselho, mas continuar foi meu grande segredo”, disse. E ela quer mais: já está matriculada na segunda etapa da EJA. Haddad falou da importância de o governo oferecer qualidade e continuidade na educação. “Não nos contentamos em alfabetizar. Queremos ver os brasileiros completando cada vez mais anos de estudo”, afirmou.

Lula falou da mudança de abordagem do problema do analfabetismo no Brasil. “Não queremos que as pessoas aprendam só a escrever seus nomes, queremos que leiam um livro”, afirmou. O presidente disse que espera voltar ao Rio de Janeiro no próximo ano para ver os alunos se formando na primeira etapa da EJA, e, assim, sucessivamente. “Espero estar vivo para ver os alunos do Brasil Alfabetizado na universidade”, disse. Cerca de 900 ônibus do interior do estado levaram os formandos à festa, que teve direito a vôos rasantes de caças da Aeronáutica e show da cantora Alcione.

Protocolo de intenções – MEC e Firjan assinaram um protocolo de intenções para que os alunos que se formaram na primeira etapa da EJA concluam a segunda etapa. O presidente da Firjan, Eduardo Vieira, comparou a parceria a uma PPP (parceria público-privada). “É a maior PPP social do país”, disse. O secretário de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do MEC, Ricardo Henriques, falou da importância da interação entre os setores públicos e privados na garantia de um outro projeto social para o país. “É possível desenhar parcerias que superem partidos, posições políticas e governos”, afirmou.

Repórter: Iara Bentes

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página