Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias
Início do conteúdo da página
Trilhas da Educação

Comunidade encontra no IFMA espaço para capacitação e resolução de problemas locais

  • Sexta-feira, 01 de setembro de 2017, 11h13

Moradores de São Raimundo do Gapara, na zona rural de São Luís, Maranhão, estão comemorando a instalação de uma rede de distribuição de água construída a partir do que aprenderam em sala de aula. A benfeitoria é resultado de um trabalho desenvolvido dentro do campus do Instituto Federal do Maranhão (IFMA). Por meio de um programa de formação inicial continuada, a instituição oferece cursos, que vão da área de desenho mecânico até instalação hidráulica industrial.

A iniciativa vem aproximando cada vez mais o instituto das comunidades próximas ao campus, trazendo impactos positivos tanto para os moradores dessas regiões quanto para os alunos que frequentam a instituição. Intitulado de Oficina Comunitária, o projeto surgiu da reunião de professores que se dedicavam a projetos de extensão, nas diferentes áreas, e que entenderam ser esse um meio de contato direto com a realidade de moradores da região, que também conta com campis do instituto.

 “Um caminho muito eficiente é a extensão, porque o professor, juntamente com os alunos, a partir de um desenvolvimento científico e do resultado de uma pesquisa científica, pode transformar isso em benefício para a comunidade. E o resultado que a gente teve aqui foi sensacional e dá certo”, pontua o professor André Silva, engenheiro mecânico do IFMA. Para o profissional, além de acompanhar questões coletivas e auxiliar em demandas pontuais, os cursos também buscam incentivar a continuidade para que busque mais formação e conhecimento.

Um exemplo do que define André é a rede de distribuição de água encanada construída para os moradores de São Raimundo do Gapara. Com pouco mais de 80 habitantes, a região não tinha o mínimo de infraestrutura e a população era obrigada a carregar baldes e latas, percorrendo grandes distâncias para buscar água em poços e cisternas, como conta a moradora Nanubia Santos, de 30 anos, mãe de três filhos. Ela foi uma das participantes do curso de extensão que auxiliou os moradores na implantação da rede local. “A gente sofria bastante. Aqui era só um poço artesiano que já tinha na comunidade, mas abastecia somente três casas. Com isso, quando precisávamos lavar roupa, por exemplo, tínhamos que ir buscar com algum vizinho. Água para beber era só comprada”, lembra. “Hoje é diferente. Agora que temos água na nossa casa, a situação ficou melhor”, comemora.

Ao todo, 25 moradores participaram do curso de Formação Inicial Continuada na área de Projetista Mecânico e de Instalador Hidráulico Residencial, com 120 horas de aulas e direito a certificação. “Nós percebemos que, após a nossa entrada na comunidade, muitos moradores já começaram a se organizar para pedir melhoria para a comunidade, já se inscreveram em outros cursos na região”, relata André Silva. “Houve uma melhora significativa dessa comunidade apenas com esse pequeno gesto de canalizar uma água para a comunidade”.

Realização – Nanubia fala com orgulho do conhecimento que recebeu e da satisfação de ajudar sua comunidade. “Quando eu cheguei no IFMA, eu não sabia nada. Lá, eu aprendi a ler as plantas, a desenhar. Nós participamos da escavação, colamos canos, fizemos a estrutura da caixa, tudo conforme a professora nos ensinou no curso. Serviu até para minha vida mesmo em casa, porque, com o curso, eu fiz a instalação de várias coisas na minha casa. Agora eu não sou só uma dona de casa, tenho curso de instalador hidráulico”.

A moradora de São Raimundo se diz realizada e já faz planos para o futuro. “Eu me sinto feliz, agradecida, porque a gente não tinha água na nossa casa e hoje eu lavo louça na minha pia, porque eu mesma fiz a encanação; meus filhos tomam banho no chuveiro. Agora eu posso pensar até em ter uma profissão. Eu quero me profissionalizar mais, porque desse curso tem outro mais avançado”, conta.

O programa Oficina Comunitária ainda trabalha na implantação de água encanada em todas as casas de São Raimundo do Gapara. As obras serão finalizadas em setembro. Para saber mais sobre as ações do programa, acesse o portal do IFMA.     

Assessoria de Comunicação Social 

Assunto(s): distribuição , Água , IFMA
X
Fim do conteúdo da página