Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias
Início do conteúdo da página
Educação superior

Ministro inaugura sede definitiva do campus Catolé do Rocha, do Instituto Federal da Paraíba

  • Segunda-feira, 01 de outubro de 2018, 20h01

Para Rossieli Soares, “o que o Brasil precisa é de mais educação” (Foto: André Nery/MEC)

Catolé do Rocha (PB), 1º/10/2018 – A sede definitiva do Campus Catolé do Rocha, do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), no município de mesmo nome, foi inaugurada na manhã desta segunda-feira, 1º de outubro, pelo ministro da Educação, Rossieli Soares.  

 “Estar aqui no Catolé do Rocha, uma região que precisa muito de um instituto federal, trazendo todo o seu conhecimento e sua tecnologia, em uma grande estrutura é, sem dúvida, um grande avanço”, afirmou Rossieli Soares. “É uma felicidade para nós porque é disso que o Brasil precisa: trazer mais educação”, completou o ministro.

A obra teve um investimento total de R$ 13.363.552,00, dos quais R$ 6.322.564,00 – o que corresponde a 47% do valor da construção –, foram descentralizados desde maio de 2016.

Para o prefeito de Catolé do Rocha, Leomar Benício, o campus é um investimento que vem beneficiar os jovens da região, que buscam um curso técnico e querem se especializar e se habilitar para encarar o primeiro emprego. “Quando o aluno termina essa primeira fase, do ensino fundamental, com certeza vai procurar uma escola para fazer um curso profissionalizante”, afirmou Leomar Benício. “Isso é um marco para nós e vem atender não só Catolé do Rocha, como toda a região do sertão paraibano”, completou o prefeito.

Desde 2014, o Campus Catolé do Rocha funciona em sede provisória, na Escola Municipal Celso Mariz, no bairro São José. Mas as primeiras atividades da instituição na cidade começaram ainda em 2012, com um Centro de Inclusão Digital (CID) com cursos de capacitação. Em seguida, vieram turmas do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O CID funcionava como uma extensão do Campus Sousa. O Campus Catolé teve suas atividades autorizadas em 2015.

Estrutura - Atualmente, são mais de 200 estudantes matriculados nos cursos regulares: técnico integrado ao ensino médio em edificações (presencial) e nos cursos técnicos em segurança no trabalho e secretariado, ambos na modalidade Educação a Distância (EaD). O campus oferta ainda cursos de capacitação do programa MedioTec. Com a nova estrutura, a previsão é de que novos cursos sejam oferecidos à população.

O campus conta com 18 técnicos administrativos e 19 professores. Atende muitos estudantes de cidades vizinhas e até do Rio Grande do Norte. O IFPB tem presença marcante na região sertaneja, por meio de vários projetos de extensão e pesquisa.

Segundo o reitor do IFPB, Nicácio Lopes, esse campus é um sonho realizado para o alto sertão da Paraíba. “Nós estamos aqui na região fronteiriça com o Rio Grande do Norte. A unidade de Catolé do Rocha tem uma polaridade que atende a cerca de 25 municípios, tanto da Paraíba quanto do Rio Grande do Norte. Nós temos uma densidade demográfica em torno de 200 mil habitantes, portanto são muitas famílias que estão sendo contempladas”, detalhou Nicácio Lopes. “O ministro está aqui conosco entregando esse belíssimo equipamento e temos confiança de que esse campus oferecerá dignidade e formação aos nossos jovens, além de dar condições para o acesso qualificado à empregabilidade.”

O espaço ocupa uma área de 5.740,97 m² e conta com blocos acadêmicos e administrativos, tendo 15 salas de aula e 15 laboratórios. Há laboratórios de informática, matemática, biologia, física, química, solos, materiais, topografia, construções, instalações hidrossanitárias, além de sala de equipamentos topográficos, entre outros. Os blocos também possuem salas de professores e coordenações de cursos. 

IFPB - O Instituto Federal da Paraíba conta com 21 unidades espalhadas em todo o estado paraibano. Os campi são localizados em Cabedelo, Cajazeiras, Campina Grande, Catolé do Rocha, Esperança, Guarabira, Itabaiana, Itaporanga, João Pessoa, Monteiro, Patos, Picuí, Princesa Isabel, Santa Rita, Sousa. Já os campi avançados estão em Areia, Cabedelo Centro, João Pessoa Mangabeira, Pedras de Fogo, Soledade. O único centro de referência do IFPB fica em Santa Luzia.

Segundo a Plataforma Nilo Peçanha, da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do MEC e que traz dados de mais de 650 unidades de ensino que participam da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, o IFPB soma 25.780 matrículas, distribuídas em 219 cursos, entre cursos presenciais e a distância, nas modalidades integrado ao ensino médio, subsequente, superior e pós-graduação.

Assessoria de Comunicação Social

X
Fim do conteúdo da página