Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Residências em saúde > Estudantes > Pós-graduação > Novas atribuições da Capes são aprovadas
Início do conteúdo da página

Programa Professor Visitante Sênior nos EUA divulga resultado

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) e a Comissão Fulbright divulgam os selecionados para o Programa Professor Visitante Sênior nos Estados Unidos, edição 2005/2006. O programa possibilita a inserção e o intercâmbio dos profissionais brasileiros, de diversas áreas do conhecimento, em universidades norte-americanas. O objetivo é incrementar as relações bilaterais no meio acadêmico e a divulgação da ciência, tecnologia e cultura brasileiras naquele país.

A comissão de consultores especialmente constituída para analisar as candidaturas examinou 79 currículos. Desse total, foram selecionados dez doutores (veja tabela abaixo). Os professores darão aulas, palestras e participarão de seminários em instituições de ensino superior norte-americanas, além de realizar pesquisas com atividades de orientação técnica e científica.

Para o doutor em ciência política Renato Boschi, 58, um dos escolhidos, esta será uma oportunidade excelente. “Considero um prêmio para a minha carreira. Vou intensificar relações. Na instituição que irei, além dos pesquisadores, terei contato com empresários e formadores de opinião, um público importante para divulgarmos o Brasil”, explicou. Professor das universidades Cândido Mendes, do Rio de Janeiro, e Federal de Minas Gerais, Boschi investiga alternativas de políticas industriais para a retomada do crescimento econômico na América Latina, comparando a realidade brasileira com a argentina e a chilena. Ele será recebido na The City University of New York.

Seleção – Integraram a comissão avaliadora Álvaro Toubes Prata (UFSC), Ângela Maria Randolpho Paiva (PUC/RJ), Lívio Amaral (UFRGS), Luiz Carlos Silveira (UFPA) e Geraldo Nunes Sobrinho (Funadesp). A experiência foi um dos principais critérios analisados pela comissão julgadora. Para se candidatar era necessário ser doutor há, no mínimo, cinco anos, ter nacionalidade brasileira - e não ter nacionalidade norte-americana - e estar credenciado como docente e orientador em programa de pós-graduação reconhecido pela Capes. Os professores escolhidos receberão passagem de ida e volta, auxílio instalação no valor de US$ 4 mil, bolsa mensal de US$ 4 mil e seguro-saúde de US$ 500. (Assessoria de Imprensa da Capes)

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página