Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Residências em saúde > Estudantes > Pós-graduação > Capes abre inscrições para treinamento
Início do conteúdo da página

Brasileiros e americanos reunidos para avaliar parceria

O Programa de Consórcios em Educação Superior, realizado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior do Ministério da Educação (Capes/MEC) e o Fund for the Improvement of Post Secondary Education (Fipse), do Departamento de Educação dos Estados Unidos, começou a ser avaliado nessa quarta-feira, 12, em Washington (EUA). A diretora de Administração da Capes, Denise Neddermeyer, e a assessora da Cooperação Internacional do Fipse, Fátima Battaglin, participam dos debates que acontecem até sábado, 15.

De acordo com a diretora de Administração da Capes, os parceiros brasileiros e americanos reúnem-se anualmente para avaliar os resultados dos projetos. Desde o início do programa, em 2001, foram selecionadas 40 propostas, com a participação de 594 bolsistas em oito áreas, entre elas, ciências agrárias, biológicas, humanas, saúde e letras. Os projetos foram realizados entre 37 universidades e institutos brasileiros e 80 instituições americanas de ensino superior. Os integrantes realizaram missões de estudos em instituições americanas com o objetivo de trocar experiências e modernizar as grades curriculares de cada curso e conteúdo das disciplinas.

Denise Neddermeyer explica que o Capes/Fipse é um programa inovador, porque reúne três aspectos: parceria institucional, colaboração acadêmica e intercâmbio de estudantes de graduação. “Para o Brasil foi muito importante, porque estabeleceu conexões entre instituições e institutos de diferentes regiões brasileiras e também de diversas partes dos Estados Unidos.” Segundo ela, outro ponto positivo foi o equilíbrio entre o número de bolsistas brasileiros e americanos. “O efeito multiplicador também foi importante. Além disso, as parcerias acadêmicas se tornaram mais duradouras”, analisa.

O diretor do Fipse, Leonard Haynes, e a secretária assistente de educação do Departamento de Educação americano, Sally Stroup, participam do encontro. Na programação de hoje, 13, e amanhã, 14, os coordenadores dos projetos brasileiros e americanos apresentam o resumo dos seus estudos.

Seleção – A última seleção de projetos ocorreu em 2004 e atualmente 154 bolsistas estão em atividade. As instituições interessadas apresentaram projetos de pesquisa e receberam da Capes apoio financeiro para a realização de missões de trabalho e de estudo e para custeio das atividades de pesquisa. Cada consórcio recebeu, em quatro anos, o valor máximo de R$ 480 mil para colocar em prática o projeto. Mais informações podem ser obtidas na página eletrônica da Capes.

Repórter: Adriane Cunha

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página