Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Residências em saúde > Estudantes > Pós-graduação > Capes apóia formação em ciências do mar
Início do conteúdo da página

Associação de pós-graduandos apresenta prioridades à Capes

O presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC), Jorge Guimarães, e o diretor de Programa da Capes, José Fernandes de Lima, receberam nesta quarta-feira, 22, em Brasília, a presidente da Associação Nacional dos Pós-Graduandos (ANPG), Elisa Campos Borges, e a diretora da União Nacional dos Estudantes (UNE), Márvia Scardua.

No encontro, foi entregue um documento com os principais pontos colocados como prioritários pela ANPG. Elisa Borges pediu um reajuste de 20% e o aumento do número de bolsas de pós-graduação no país. “O número de bolsas não é proporcional ao número de cursos criados”, diz.

O presidente da Capes reconheceu a necessidade do reajuste, mas explicou que isso depende da aprovação do orçamento e até mesmo de um crédito suplementar. “Estamos trabalhando para atender a esta solicitação, realmente há um esforço entre as agências com vistas a alcançar tal objetivo ainda este ano”, esclareceu.

Em relação à ampliação do número de bolsas, a Capes vem apresentando resultados e fazendo novas parcerias. Desde 2002, o número de bolsistas beneficiados passou de 24.593 para 28.120. O valor das bolsas também teve um aumento de 18%, após nove anos sem alteração. As bolsas para o exterior passaram de 1.071, em 2002, para 2.093, em 2005, o que representa um acréscimo de quase 100%.

Além disso, a Capes assinou convênios com diversas fundações de amparo à pesquisa (FAPs), entre elas, dos estados de Mato Grosso, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Pernambuco. “Por meio dessas parcerias, vem sendo possível ampliar os recursos para aumentar o número de bolsas de forma negociada entre a Capes e as FAPs”, explica Guimarães.

Projeto de lei – A presidente da ANPG informou que no dia 18 de março, em Caldas Novas (GO), a associação irá lançar uma campanha para aprovação de um projeto de lei do deputado Jorge Bittar que está na Câmara Federal. O projeto regula o valor da bolsa de pós-graduação baseado no salário do professor assistente das universidades federais. 

Já Márvia Scardua convidou o presidente da Capes para participar do Conselho Nacional de Entidades de Base da UNE. O encontro será realizado entre os dias 13 e 16 de abril, em Campinas (SP).

Repórter: Adriane Cunha

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página