Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Secretaria de Educação Superior > Estudantes > Pós-graduação > Capes e UFMG promovem oficinas para criação de mestrado e doutorado
Início do conteúdo da página

Futuro da pós-graduação será discutido em seminário

Mais de 300 pesquisadores de todo o País estarão reunidos, na quinta e sexta-feira, 9 e 10, em Brasília, para discutir o futuro da pós-graduação. Eles vão participar do seminário Avaliar para Avançar, promovido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC), no Centro de Convenções do Hotel Naoum Plaza.

O evento, que integra as comemorações dos 55 anos da Capes e 30 anos da avaliação da pós-graduação, será aberto pelo ministro da Educação, Fernando Haddad, às 9h. Logo após, o presidente da Capes, Jorge Guimarães, e o diretor de Avaliação, Renato Janine Ribeiro, farão a entrega do Prêmio Capes de Tese aos 38 vencedores.

“Para que a pós-graduação continue a se expandir com qualidade, é necessário discutir o seu futuro e o de sua avaliação”, destaca Janine Ribeiro. “Isso significa que temos de pensar sobre novas maneiras de avaliar, sobre o desenvolvimento do mestrado profissional, titulação importante mas que se defronta com gargalos significativos; e sobre o aumento das publicações brasileiras no exterior, em especial nas áreas de humanidades”, diz o diretor.

Além disso, Janine vê a necessidade de se pensar sobre o impulso a ser dado às patentes e sobre a inserção social da pós-graduação. “Todos estes pontos serão debatidos por pesquisadores da mais alta envergadura, de modo a gerar estratégias que possam ser seguidas no próximo mandato presidencial”, esclarece.

A programação do seminário, nesta quinta-feira, 9, inclui o painel O Futuro da Avaliação: a pós-graduação em 2016. A questão-chave é: o que o aumento quantitativo e a diversificação da pós-graduação deve implicar em termos da filosofia e da forma de realização da avaliação? A periodicidade do processo avaliatório, importância e utilidade das visitas aos programas de pós-graduação; além de condições relativas à operação do sistema, como o número máximo de comissões de área que a Capes poderá administrar, são outras das questões que serão abordadas.

À tarde, a partir das 15h, serão realizadas quatro oficinas: O Futuro do Mestrado Profissional; As Publicações em Periódicos; A Inserção Social; e Patentes e Tecnologia. O encerramento será na sexta-feira, 10, com uma reunião plenária.

Fátima Schenini

 

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página