Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Participação na economia global exige investimento em educação
Início do conteúdo da página
Saúde na Escola

Inep apoia coleta de dados sobre casos de gravidez na adolescência

  • Segunda-feira, 02 de outubro de 2017, 17h45
  • Última atualização em Segunda-feira, 02 de outubro de 2017, 17h45

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulga, a partir desta segunda-feira, 2, o questionário sobre quantidade de casos de gravidez em adolescentes nas escolas, em apoio ao Programa Saúde na Escola. Todas as instituições da rede pública receberão instruções para o preenchimento. O trabalho, desenvolvido pelos ministérios da Educação e da Saúde, pretende fortalecer ações conjuntas para reduzir o número de gravidezes precoces e garantir cuidado integral às adolescentes grávidas.

As respostas deverão observar os casos de gravidez na adolescência identificados no ano letivo de 2017, até o momento em que o questionário for respondido. De acordo com os critérios de preenchimento, devem ser considerados os casos na faixa etária de dez a 19 anos. O levantamento será feito junto aos gestores escolares e não será necessário identificar a adolescente.

Programa – O Saúde Na Escola integra um conjunto de ações que visam contribuir para a formação integral dos estudantes por meio de promoção, prevenção e atenção à saúde. O objetivo do trabalho é diminuir as vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino.

Em caso de dúvida, as escolas devem entrar em contato com o programa Saúde na Escola pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., pelo portal do Ministério da Saúde, ou pelo telefone (61) 3315-9091.

Assessoria de Comunicação Social, com informações do Inep

X
Fim do conteúdo da página