Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Inscrições no Sisu já superam as do segundo semestre de 2016
Início do conteúdo da página
Educação profissional e tecnológica

Escola Agrotécnica de Colatina (ES) tem novo diretor

  • Quarta-feira, 23 de agosto de 2006, 13h21
  • Última atualização em Quarta-feira, 16 de maio de 2007, 09h28

Criar o curso superior de tecnologia em aqüicultura e fazer com que a Escola Agrotécnica Federal de Colatina (ES) consiga absorver e formar parte dos jovens da região são as metas do novo diretor da escola, Tadeu Rosa, que foi empossado na Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC), em Brasília, nesta quarta-feira, 23, pelo secretário Eliezer Pacheco.

Durante a posse, Eliezer Pacheco disse que Tadeu Rosa estava assumindo uma função muito importante porque a rede federal de educação tecnológica está desempenhando um papel essencial no processo de desenvolvimento do país. O secretário de Educação Profissional e Tecnológica considera que as escolas técnicas federais são hoje tão importantes quanto as universidades federais.

O novo diretor quer criar o curso superior de tecnologia em aqüicultura na Agrotécnica de Colatina, às margens do Rio Doce. Segundo o Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia, o tecnólogo em aqüicultura atua na produção de peixes e de outros animais aquáticos. 

A Escola Agrotécnica Federal de Colatina tem cerca de 500 alunos e 132 servidores. A escola tem alojamento para acolher alunos oriundos do sul da Bahia, nordeste de Minas Gerais e norte do Espírito Santo.

Ana Júlia Silva de Souza

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página