Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > MEC anuncia Política Nacional de Alfabetização para reverter estagnação na aprendizagem
Início do conteúdo da página
Educação profissional e tecnológica

Cidades gaúchas ganham escolas técnicas

  • Segunda-feira, 29 de outubro de 2007, 17h07
  • Última atualização em Terça-feira, 30 de outubro de 2007, 14h38

O Rio Grande do Sul vai ganhar dez escolas técnicas até 2010. O Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica está construindo as unidades de ensino nas cidades-pólo de Porto Alegre, Venâncio Aires, Osório, Erechim, Bagé, São Borja, Caxias do Sul, Camaquã, Santa Rosa e Panambi. O estado já tem 15 instituições tecnológicas.

Serão aproveitados os arranjos produtivos locais de cada região — polímeros e confecções (Porto Alegre); agroindústria e metal-mecânica (Venâncio Aires); bebidas (Osório); confecções e agroindústria (Erechim); agricultura, pecuária e turismo (Bagé); agricultura e pecuária (São Borja); confecções, fruticultura e metal-mecânica (Caxias do Sul); turismo (Santa Rosa); turismo e produção de alimentos (Camaquã); e implementos agrícolas (Panambi).

A expansão da rede de educação profissional está prevista no Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), lançado em abril pelo MEC. A proposta determina a construção de 150 escolas técnicas em todo o País.

Os municípios que receberão as instituições foram definidos para atender localidades no interior do Brasil e periferias dos grandes centros urbanos. Foram considerados os arranjos produtivos locais, de forma a reduzir a saída dos alunos em direção às grandes cidades e a aproveitar a infra-estrutura da região.

Assessoria de Comunicação Social do MEC

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página