Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Proposta para educação infantil na Base defende brincadeiras para aprendizagem
Início do conteúdo da página
Educação profissional e tecnológica

Escolas técnicas para o Mato Grosso do Sul

  • Quinta-feira, 29 de novembro de 2007, 07h56
  • Última atualização em Quinta-feira, 29 de novembro de 2007, 10h52

O Mato Grosso do Sul vai ganhar cinco novas escolas técnicas até 2010. Como prevê o Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, as unidades serão implantadas nas cidades-pólo de Aquidauana, Corumbá, Coxim, Três Lagoas e Ponta Porã. O estado tem hoje duas instituições tecnológicas.

As novas escolas funcionarão vinculadas ao Centro Federal de Educação Tecnológica do Mato Grosso do Sul (Cefet-MS). Serão aproveitados os arranjos produtivos locais de cada região: artesanato e turismo (Aquidauana); metal-mecânica e turismo (Corumbá); turismo (Coxim); turismo (Três Lagoas); e piscicultura (Ponta Porã).

A expansão da rede de educação profissional está prevista no Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), lançado em abril pelo Ministério da Educação. A proposta determina a construção de 150 escolas técnicas em todo o país. Os municípios que receberão as novas instituições foram definidos para atender localidades no interior do Brasil e periferias dos grandes centros urbanos. Também foram considerados os arranjos produtivos locais, de maneira a reduzir a saída dos alunos em direção às grandes cidades e aproveitar a infra-estrutura da região.

Para a implantação do PDE no Mato Grosso do Sul e garantir a participação do estado e dos seus 78 municípios, o ministro da Educação, Fernando Haddad, visita Campo Grande nesta quinta-feira, 29.

Assessoria de Comunicação Social

Confira outras notícias da Caravana da Educação

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página