Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Ministro da Educação anuncia mudanças no sistema de avaliação a partir de 2019
Início do conteúdo da página
Saúde

Hospital universitário em Rio Grande inaugura UTI pediátrica

  • Segunda-feira, 22 de maio de 2017, 19h29
  • Última atualização em Terça-feira, 23 de maio de 2017, 18h34


Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica do Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr., da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg), possui dez leitos equipados com monitores vitais e aparelhos de ventilação mecânica (Foto: Divulgação)Foi inaugurada nesta segunda-feira, 22, a nova Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica (UTI Pediátrica) do Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Corrêa Jr. da Universidade Federal do Rio Grande (HU-Furg). Com a ativação do serviço, que no dia 2 de maio recebeu a primeira internação, o hospital passa a ter três UTIs: neonatal, geral e pediátrica.

Ao participar da cerimônia de inauguração, o presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Kleber Morais, destacou a dedicação do Ministério da Educação aos hospitais universitários federais. “Sem o olhar diferenciado não seria possível avançar nessa área como vem sendo possível nos últimos 12 meses”, afirmou.

Em uma área de 221,70m², o local possui dez leitos equipados com monitores vitais e aparelhos de ventilação mecânica. A equipe multidisciplinar, em treinamento desde dezembro de 2016, é composta por médicos pediatras, enfermeiros qualificados para o tratamento intensivo, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, psicólogos, assistentes sociais, fonoaudiólogos e outros profissionais necessários para os procedimentos assistenciais e administrativos realizados na unidade.

A construção da nova estrutura foi possível por meio de recursos do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários (Rehuf), gerido pela Ebserh e destinado à revitalização dos hospitais das universidades federais integrados ao Sistema Único de Saúde (SUS). Desde a criação do programa, já foram destinados cerca de R$ 150 milhões para o HU-Furg.

A contratação de recursos humanos para a viabilizar as atividades do novo setor se deram a partir da adesão do HU-Furg à Ebserh e à consequente realização de concurso público. Foi o que ressaltou a reitora da Furg, Cleuza Dias: “A UTI estava pronta desde 2012, mas não contava com pessoal para trabalhar, para que ela fosse aberta. Isso foi possível graças ao empenho da Ebserh e do Ministério da Educação. Só com empenho dos dois foi possível a liberação de 240 vagas”, lembrou a reitora.

A superintendente Helena Vaghetti salientou a dedicação dos envolvidos na realização do projeto. “Tenho o privilégio de ser o agente que representa a concretização do sonho dos muito que me antecederam e que não pouparam esforços para que a UTI Pediátrica se tornasse realidade”, disse.

Desde julho de 2015, o HU-Furg é filiado à Ebserh, estatal vinculada ao MEC, que administra, atualmente, 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

O órgão, criado em dezembro de 2011, também é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações nas 50 unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh.

Assessoria de Comunicação Social, com informações da Ebserh

X
Fim do conteúdo da página