Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Edição deste ano distribuirá R$ 100 mil aos vencedores; inscrições vão até 13 de março
Início do conteúdo da página
Educação superior

Prazo de adesão da lista de espera do ProUni vai até terça-feira, 31

  • Segunda-feira, 30 de julho de 2018, 11h55
  • Última atualização em Segunda-feira, 30 de julho de 2018, 13h03

Os candidatos a uma vaga na lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni), relativo ao segundo semestre de 2018, podem fazer a adesão ao benefício até está terça-feira, 31, pela internet. Essa é mais uma oportunidade para conquistar uma bolsa de estudo e, com isso, cursar o ensino superior. A divulgação dos resultados será no próximo dia 2 de agosto.

Os participantes da lista de espera terão de comparecer, no período de 3 a 6 de agosto, às respectivas instituições de ensino para apresentar a documentação e comprovar as informações prestadas na inscrição.

Neste segundo semestre, das 174.289 vagas ofertadas, 68.884 são integrais e 105.405 parciais, em 1.460 instituições de ensino superior. Para se candidatar, é necessário ter se submetido ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017, com obtenção de, no mínimo, 450 pontos de média e nota superior a zero na redação. É importante lembrar que as notas de outras edições do Enem não valem para pleitear uma bolsa do ProUni 2018.

Só poderão participar estudantes brasileiros que não possuam curso superior e tenham cursado o ensino médio completo na rede pública ou na condição de bolsista integral da rede privada. Também podem solicitar bolsas os alunos que cursaram parte do ensino médio na rede pública e a outra parte na rede privada na categoria bolsista, bem como os que sejam deficientes físicos ou professores da rede pública.

Para ter direito a uma bolsa integral, o candidato deve comprovar uma renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais de 50% são destinadas aos que têm uma renda familiar per capita de até três salários mínimos. Quem conseguir uma bolsa parcial e não tiver condições financeiras de arcar com a outra metade do valor da mensalidade pode utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

ProUni – O ProUni é um programa do Ministério da Educação que concede bolsas integrais e parciais de 50% em cursos de graduação em instituições de educação superior privadas. Desde que foi criado, em 2004, o ProUni já atendeu 2,5 milhões de estudantes, 70% com bolsas integrais.

Clique aqui para acessar o site do ProUni.

Assessoria de Comunicação Social

 

X
Fim do conteúdo da página