Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Escola baiana cultiva tradições e a autoafirmação dos alunos
Início do conteúdo da página
Ações internacionais

Criada a Comissão de Língua Portuguesa

  • Terça-feira, 27 de setembro de 2005, 11h45
  • Última atualização em Segunda-feira, 14 de maio de 2007, 13h33

Foto: Tereza SobreiraO ministro da Educação, Fernando Haddad, assinou nesta terça-feira, dia 27, a portaria que cria a Comissão de Língua Portuguesa, destinada a apoiar o MEC em atividades de divulgação do idioma no próprio país e nas relações com outras nações. “A idéia é pensar fórmulas inovadoras para fomentar a língua portuguesa, seja em relações internacionais ou em programas do ministério”, disse Haddad.

Composta por 14 membros, a comissão reúne especialistas renomados. Uma das propostas é criar uma metodologia para ensinar português em sala de aula, com o objetivo de promover a língua entre crianças e jovens. Outra tarefa será subsidiar o governo brasileiro na instalação do Instituto Machado de Assis, que funcionará nos moldes do Instituto Camões, de Portugal. A novidade está em elaboração e tem o apoio do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Na avaliação do professor José Luiz Fiorin, da Universidade de São Paulo (USP), integrante da comissão, a criação do Instituto Machado de Assis é uma boa oportunidade para divulgar a língua portuguesa em outros países. “A língua portuguesa não precisa de defesa, mas de promoção. O instituto será a melhor forma de promover a língua no exterior”, avalia.

A comissão deve ter acesso a todos os programas do MEC relacionados ao português. A proposta é que o grupo apóie os trabalhos de diferentes formas, seja por meio de revisão final ou de sugestões para elaboração.

Reporter: Flavia Nery

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página