Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Seminário promove debate sobre conectividade nas escolas
Início do conteúdo da página
Outras

ProInfo: 92% dos municípios já aderiram

  • Sexta-feira, 27 de junho de 2008, 05h51
  • Última atualização em Segunda-feira, 30 de junho de 2008, 15h12

Programa é destinado a promover o uso pedagógico da informática na rede pública de educação básica (Arquivo MEC)O Programa Nacional de Tecnologia Educacional (ProInfo) já registrou a adesão de 92% do municípios brasileiros. Destinado a promover o uso pedagógico da informática na rede pública de educação básica, o ProInfo é resultado de ampla parceria entre governo federal, estados e municípios. Do total de 5.561 municípios, apenas 432 não fizeram ainda a adesão ao programa.

Ao assinar o termo de compromisso com o ProInfo, os prefeitos podem selecionar as escolas que irão receber laboratórios de informática. Licitados em dezembro de 2007, no maior pregão para aquisição de computadores da história do programa, 12 mil laboratórios estão sendo distribuídos para escolas públicas de todo o país este ano. Além disso, está previsto para o segundo semestre deste ano o lançamento de edital para a compra de mais 29 mil laboratórios de informática.

Para aderir ao programa e escolher as escolas que serão beneficiadas, é necessário seguir três etapas: enviar termo de adesão, efetuar cadastro e selecionar escolas. Vale ressaltar que este ano as prefeituras terão de enviar fotos das escolas e dos laboratórios para serem aprovados. Confira o passo a passo de todo o processo de seleção de escolas e adesão ao programa.

Na primeira etapa, nove mil laboratórios serão destinados às escolas de 5ª a 8ª séries localizadas em áreas urbanas e com mais de 100 de alunos. Os outros três mil laboratórios serão entregues às escolas de 5ª a 8ª séries localizadas em áreas rurais e com mais de 50 alunos.

Os novos computadores já dispõem de roteador wireless (internet sem fio). Os equipamentos possuem também o sistema operacional Linux Educacional, software livre criado especialmente para as escolas brasileiras, contendo diversas ferramentas de produtividade.

Capacitação — Segundo o secretário de Educação a Distância do Ministério da Educação, Carlos Eduardo Bielschowsky, o ProInfo é composto de três ações básicas: infra-estrutura, capacitação de professores e conteúdos digitais. “Queremos garantir uma sala de aula mais dinâmica e, para isso, além de entregar os computadores, lançamos o Portal do Professor, e vamos capacitar 100 mil professores até o fim do ano”, explicou.

Renata Chamarelli

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página