Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Estudantes devem ficar atentos a irregularidades em instituições
Início do conteúdo da página
Nota oficial

Nota de pesar

  • Segunda-feira, 26 de agosto de 2019, 16h32
  • Última atualização em Segunda-feira, 26 de agosto de 2019, 17h00

O Ministério da Educação (MEC) lamenta a morte precoce de Letícia Sousa Curado, 26 anos, desaparecida desde a última sexta-feira (23) após sair de casa para trabalhar neste ministério. A funcionária, que prestava serviço de apoio jurídico, foi encontrada morta na tarde desta segunda-feira, 26 de agosto.

O MEC presta solidariedade e apoio à família da vítima, amigos e colegas de trabalho. Letícia Curado deixa marido e filho, de três anos.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, considera o crime bárbaro e inaceitável, e confia no trabalho das forças policiais e do Poder Judiciário para que o culpado seja punido.

Assunto(s): MEC , Nota oficial , Letícia Curado
X
Fim do conteúdo da página