Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Capes oferece bolsas de doutorado e pós-doutorado na Áustria
Início do conteúdo da página
Hospitais universitários

Anvisa aponta Rede Ebserh como referência em atendimento seguro ao paciente

  • Sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020, 14h07
  • Última atualização em Sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020, 15h07

Programa da empresa pública diminuiu índice de mortalidade e de infecções


A Rede Ebserh, vinculada ao Ministério da Educação (MEC), foi destaque no Relatório de Autoavaliação Nacional de Prática de Segurança do Paciente em Serviços de Saúde de 2019, publicado neste mês de fevereiro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De acordo com o relatório, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) é uma das redes hospitalares com mais unidades citadas de forma positiva em práticas seguras de assistência à saúde, considerando hospitais públicos e privados.

O documento da agência permite um diagnóstico das práticas de segurança do paciente nas instituições de saúde, envolvendo a avaliação de indicadores de estrutura e processo. Além disso, monitora a cultura da segurança, a gestão de riscos, o aprimoramento da qualidade e a aplicação das boas práticas em serviços de saúde. A adesão à iniciativa da Anvisa é voluntária.

De acordo com a chefe de Serviço de Gestão da Qualidade da Ebserh, Marcia Dal Sasso, o resultado é reflexo de ações conjuntas e estratégicas de rede. “Diversos fatores influenciaram nesse resultado. Na administração central há um setor exclusivo para apoiar os hospitais que, por sua vez, estão sempre buscando aperfeiçoar seus processos”, explicou.

Todos os hospitais vinculados à Ebserh possuem ações estruturadas voltadas à segurança do paciente. Um dos exemplos é a implantação de Núcleo de Segurança do Paciente e elaboração de Plano de Segurança do Paciente.

Programa – Desde 2014, o Serviço de Gestão da Qualidade desenvolve, junto aos hospitais da rede, o Programa Ebserh de Segurança do Paciente. Na avaliação do ano passado, a iniciativa teve importantes avanços que contribuíram com o aperfeiçoamento da assistência aos pacientes. Eis o resultado em números:

  • alcance de 91% no índice de implantação do Programa Ebserh de Segurança do Paciente;
  • redução de 3,6% na taxa média de mortalidade institucional;
  • redução de 15,8% nas infecções relacionadas à utilização de cateter venoso central;
  • aumento de 90% de hospitais da Rede Ebserh com alta adesão às práticas de segurança do paciente.

Assessoria de Comunicação Social, com informações da Ebserh

X
Fim do conteúdo da página