Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Ministro visita centro que monitora logística e segurança do Enem 2019
Início do conteúdo da página
Educação no Ar

Diretora comenta melhorias e reforço na segurança do Exame Nacional do Ensino Médio 2017

  • Quinta-feira, 02 de novembro de 2017, 09h00
  • Última atualização em Quinta-feira, 02 de novembro de 2017, 09h27

Na reta final para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017, aumenta a expectativa dos milhares de candidatos em alcançar uma boa nota e ingressar na universidade. Este ano, o Enem traz algumas mudanças, entre elas, a aplicação em dois domingos –  5 e 12 de novembro – e maior reforço na segurança, como destaca Luana Bergmann, titular da Diretoria de Avaliação da Educação Básica (Daeb) do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização do Enem.

“Reorganizamos os momentos de aplicação em dois domingos diferentes e a demanda cognitiva dos participantes de maneira mais inteligente. No primeiro domingo, farão prova de ciências humanas, linguagem e redação. Será a demanda socioverbal e sociocultural. No segundo domingo, estaremos focados na matemática e nas ciências da natureza”, explica Luana, que é pedagoga e pesquisadora de carreira do Inep, tendo assumido em 2016 a direção-geral da Daeb.

Em relação à segurança, haverá detectores de ponto eletrônico nos locais de prova e detectores de metais nos banheiros. A biometria foi mantida. Outra mudança importante é a identificação do candidato não apenas no cartão de respostas, mas em todas as folhas do exame.

A diretora reforça que os candidatos devem calcular o tempo do trajeto até o local da prova e ficar atentos aos horários de ônibus (Frame: TV MEC)”A prova vale muito para os participantes porque abre portas de universidades, cursos técnicos e tecnológicos. É uma operação de muito risco e, por isso, todas as etapas devem ser monitoradas. O que nos interessa é garantir a isonomia e a segurança do participante para que ele possa chegar no momento da prova com tranquilidade”, afirma a diretora.

Luana ressalta que o trabalho da Daeb vai além da logística. A diretoria mantém equipe de monitoramento que acompanha tudo o que é divulgado a respeito do exame, com o objetivo de combater boatos e notícias falsas, com foco especial nas redes sociais. Vale ressaltar a importância de os candidatos checarem as informações nos canais oficiais do Inep e do Ministério da Educação, uma vez que todas as informações relativas ao Enem são divulgadas por estes meios.

“É uma ‘operação de guerra’. Começamos a preparar o Enem muito antes de novembro. É uma preparação que dura o ano inteiro e, neste momento, estamos na reta final, com todas as etapas quase concluídas. Tivemos vários parceiros articulados neste processo; além do Inep, temos a Polícia Federal, o MEC, o Exército e uma série de outros”, destaca Luana.

Todas as regras do Enem 2017 estão descritas na página do exame, na qual também é possível baixar o cartão de inscrição, com o local da prova e os horários. “É importante que o candidato acesse o portal do Enem, verifique o endereço e simule sua ida, veja os horários de ônibus. No domingo há menos ônibus, então é importante que ele faça um cálculo de quanto tempo vai levar para o local de aplicação da prova para que não se atrase”, orienta a diretora. Os portões abrirão às 12h, no horário de Brasília, e fecharão às 13h. O participante deve ficar atento às variações de fuso horário.

Acesse a página do Enem 2017, no portal do Inep.

Assessoria de Comunicação Social

 

Assunto(s): Enem , exame , Prova , Educação no Ar
X
Fim do conteúdo da página