Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Bolsonaro assina projeto que regulamenta educação domiciliar
Início do conteúdo da página
Enem

Vários programas do governo dão acesso à universidade via exame

  • Sexta-feira, 10 de novembro de 2017, 19h11
  • Última atualização em Segunda-feira, 13 de novembro de 2017, 09h39


Fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é mais do que ingressar em curso superior. O exame é a porta de entrada para vários outros programas do Ministério da Educação, como o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Programa Universidade para Todos (ProUni) e ao Ciência Sem Fronteiras.

A nota obtida no exame possibilita, por exemplo, o acesso às mais de 60 instituições públicas de ensino superior no país, por meio do Sisu. Trata-se de um sistema gerenciado pelo MEC, no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para candidatos participantes do Enem.

Além disso, as notas do Enem permitem ao estudante optar por uma bolsa de estudo em uma instituição particular, por meio do ProUni. O objetivo é conceder bolsas de estudo integrais e parciais de 50% em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.

Para conseguir uma bolsa no exterior pelo programa Ciência Sem Fronteiras, o estudante deverá estar matriculado em curso de nível superior nas áreas e temas contemplados pelo programa e ter obtido nota no Enem igual ou superior a 600 pontos, entre outros critérios.

Outra opção ao estudante que quer ingressar no ensino superior é o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Para participar, é preciso que os estudantes que concluíram o ensino médio, a partir do ano letivo de 2010, tenham feito o Enem daquele ano ou posterior e que não tenham zerado na prova de redação. Mas professores da rede pública de ensino estão isentos da exigência do exame.

Quem optar pelo ensino técnico, o caminho é o Pronatec. Para se inscrever nas diversas opções de cursos técnicos oferecidos, é preciso se cadastrar no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). A oportunidade é direcionada para quem já concluiu o ensino médio e realizou o Enem, a partir de 2010, e obteve nota acima de zero na prova de redação.  

Assessoria de Comunicação Social

 

Assunto(s): ensino superior , Enem , acesso
X
Fim do conteúdo da página