Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Primeiro aluno surdo de medicina sonha proporcionar atendimento mais autônomo aos deficientes
Início do conteúdo da página
Enem Portugal

Enem passa a ser aceito em 49 instituições de ensino superior em Portugal

  • Sexta-feira, 13 de março de 2020, 19h15
  • Última atualização em Segunda-feira, 16 de março de 2020, 13h36

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) firmou convênio com o Inep nesta sexta-feira, 13


A lista de instituições de ensino superior portuguesas que aceitam o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) cresceu. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) firmou nesta sexta-feira, 13 de março, acordo interinstitucional com o Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC), localizado no norte de Portugal. Agora, 49 instituições portuguesas que usam os resultados do Enem para acesso à educação superior.

Confira a lista de instituições portuguesas que aceitam as notas do Enem

O IPVC oferece cursos de graduação, com grau técnico e licenciaturas, em agronomia, educação, tecnologia e gestão de ciências empresariais, tecnologia e gestão de saúde e desporto e lazer. A instituição tem cerca de 5 mil estudantes e 275 docentes.

Para o presidente do Inep, Alexandre Lopes, a adesão de mais uma instituição mostra como a iniciativa é bem recebida nas instituições portuguesas. “Temos muito a aprender com essa troca de experiências, que permite ao Inep conhecer melhor as práticas portuguesas, além de ser uma porta para conhecer o modelo educacional europeu. Já o estudante brasileiro que vai estudar em Portugal volta com o título e também com uma experiência de vida”, destacou Lopes.

O presidente do IPVC, Carlos Manuel da Silva Rodrigues, disse que destacou a importância da parceria com o Inep para a internacionalização da instituição portuguesa. “Quanto mais internacional for uma instituição de ensino, mais cosmopolita ela também será. Não oferecemos apenas uma formação técnica. A convivência com o diferente também forma o cidadão. Por esse motivo, temos muito interesse em ampliar nossa internacionalização. Nosso foco são os países de língua portuguesa”, afirmou o presidente do IPVC.

O acordo foi assinado presencialmente na sede do Inep, em Brasília. Além dos presidentes do instituto brasileiro e do IPVC, a vice-presidente do IPVC, Ana Paula Vale, também participou da assinatura.

Enem Portugal – Ao celebrar o acordo com o Inep, a instituição portuguesa passa a ter acesso facilitado aos resultados dos estudantes que buscam vaga em seus cursos. Cada instituição define as regras e os pesos para uso das notas.

As instituições de ensino superior portuguesas signatárias de convênio são responsáveis pela comunicação oficial com os candidatos admitidos em seus cursos sobre essas regras. Os convênios interinstitucionais não envolvem transferência de recursos e não preveem financiamento estudantil pelo governo brasileiro.

Assessoria de Comunicação Social, com informações do Inep

Assunto(s): MEC , Enem , Inep , Enem Portugal
X
Fim do conteúdo da página