Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
  • Cartão de confirmação já foi acessado por 78% dos inscritos

    Ao meio dia desta sexta-feira, 3, já haviam consultado seu cartão de confirmação da inscrição 78% dos inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017. O cartão traz a informação sobre o local de prova. Isso representa mais de 5,2 milhões de participantes. Quando se considera apenas os chamados treineiros, aqueles que fazem a prova apenas para autoavaliação, a porcentagem de acesso supera 90%. E quando se consideram os participantes inscritos em 2017 e que faltaram às provas em 2016, o acesso é de 70%.

    O Nordeste é a região mais adiantada no acesso aos cartões. No Ceará, 85% dos inscritos já sabem onde farão as provas. Outro estado com grande taxa de acesso é a Paraíba, com 83%. Na casa dos 80% estão Pernambuco, Rio Grande do Norte, Piauí, Alagoas e Sergipe. Desde quarta-feira, 1º de novembro, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) está enviando e-mail para os participantes que ainda não procuraram saber onde farão as provas. O Enem 2017 será aplicado neste e no próximo domingo, 5 e 12, para 6.731.300 pessoas.

    O Inep orienta que os inscritos no Enem acessem o documento com a maior antecedência possível, para que tenham tempo de programar seu deslocamento até os locais de prova. O cartão de confirmação está disponível desde 20 de outubro, na página do participante e no Aplicativo do Enem, desde que seja atualizado nas lojas Google Play (para Android) ou App Store (para IOS). O cartão informa o número de inscrição, a data, hora e local das provas, a opção de língua estrangeira escolhida e os atendimentos específicos ou especializados, caso tenham sido solicitados.

    Para acessar o cartão de confirmação do estudante é necessário informar o número do CPF e a senha cadastrada na inscrição. Um passo a passo para recuperação da senha está disponível na página do participante. Não é obrigatório levar o cartão de confirmação impresso no dia das provas. O Enem 2017 será aplicado em 12.432 locais de prova, distribuídos em 1.725 cidades brasileiras.

    Declaração – Antes de acessar as informações, os participantes deverão ler um aviso sobre a declaração de comparecimento. A partir desta edição do Enem, o participante que precisar comprovar sua presença na prova deverá imprimir e levar a declaração personalizada, disponível na página do participante. No dia da aplicação ele deverá apenas colher a assinatura do coordenador de local de prova. Haverá uma declaração para cada domingo de aplicação. A declaração referente a 5 de novembro já está liberada para download. A declaração de 12 de novembro será liberada a partir do dia 6. O cartão de confirmação só será visualizado após o participante confirmar ter lido o aviso e estar ciente de que é o responsável por levar essa declaração, caso necessite.

    Assessoria de Comunicação Social 

  • Exame é monitorado em tempo real em 150 mil salas de aula do país


    O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2011, que terá as provas neste sábado, 22, e no domingo, 23, é monitorado em tempo real. Até o momento, foram realocados estudantes em apenas dez dos 14 mil locais de prova.

    Em Manaus, em razão das fortes chuvas, os estudantes que fariam as provas em três escolas que acabaram destelhadas foram remanejados para outras unidades. Em Humaitá, também no Amazonas, os estudantes de uma outra escola também foram realocados em função de danos provocados pelas chuvas.

    No município de Além Paraíba, em Minas Gerais, o barulho proveniente de um festival de motociclismo obrigou os organizadores do Enem a mudar um local de prova. Em Cametá, no Pará, a festa do padroeiro da cidade também forçou a transferência de candidatos para outras salas de aula.

    No Distrito Federal, estudantes que fariam as provas em uma escola da zona rural, na cidade-satélite do Paranoá, foram transferidos para o perímetro urbano daquela cidade em função de dificuldades com o transporte público.

    Em Fortaleza, candidatos de duas salas foram transferidos porque a escola não oferecia condições favoráveis à realização das provas. Em São Gonçalo do Amarante, também no Ceará, houve remanejamento porque as salas previstas acabaram interditadas. No Rio de Janeiro, estudantes alocados no prédio da reitoria da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio) foram transferidos para outra área da mesma instituição, a 160 metros da original.

    Sinalização— O consórcio Cespe-Cesgranrio, responsável pela aplicação do exame em todo o país, vai sinalizar os locais originais nos dias de provas com informações sobre as mudanças e também oferecerá transporte, se for necessário.

    Todos os estudantes cujos locais de provas sofreram alteração foram avisados por e-mail, mensagens SMS e telefone. Os locais atualizados estão disponíveis na página eletrônica do Enem. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) manterá monitoramento constante das condições das provas, em função dimensão do exame, que reúne 5,3 milhões de inscritos, em 1,6 mil municípios. As provas serão realizadas em 150 mil salas de aula de todo o país.

    Assessoria de Comunicação Social


Fim do conteúdo da página