Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Alunos superdotados terão novas escolas
Início do conteúdo da página
Educação profissional e tecnológica

Novo bloco é inaugurado em campus do Instituto Federal do Espírito Santo, em Guarapari

  • Sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016, 18h11
  • Última atualização em Sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016, 19h08

Mercadante se encontra com alunos durante inauguração de prédio do IFES, em Guarapari/ES. (Credito: ACS/MEC)Com investimento de R$ 8,8 milhões, o novo prédio do Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), campus Guarapari, foi inaugurado na tarde desta sexta-feira, 26. A solenidade de entrega do Bloco B, que tem 4.400 m² e três pavimentos, contou com a presença do ministro da educação, Aloizio Mercadante.

“É um investimento importante, mas o mais importante é o retorno que ele vai trazer pra Guarapari e toda a região, muita oportunidade de pesquisa e formação profissional”, disse o ministro. O novo bloco abriga quatro salas de aula e 23 laboratórios das áreas de Eletrotécnica, Engenharia Elétrica e Mecânica.

Além de biblioteca, salas de estudos e miniauditório, 17 gabinetes para professores também passam a ser oferecidos no novo prédio. “É um ensino de qualidade que vai formar e dar mais oportunidades para os estudantes que querem verdadeiramente estudar, crescer na vida, poderem fazer um ensino técnico, sua formação profissional”, frisou o ministro.

Em agenda no Espírito Santo durante todo o dia, Mercadante se reuniu pela manhã com reitores das universidades federais e do Instituto Federal do Estado. Durante a inauguração do prédio, o ministro lembrou que treze anos atrás o Ifes só tinha cinco campi, número que saltou para 21.

“É um esforço imenso. E não é um esforço do governo, nem do reitor, é do povo brasileiro. E nós temos, precisamos retribuir esse investimento com muita responsabilidade”, disse o ministro, na solenidade. Mercadante lembrou, ainda, o 1º lugar do Ifes entre as instituições públicas do país no Enem 2014. “Uma coisa fantástica”, elogiou.

“A chegada dos institutos federais mudou o Espirito Santo. Sem dúvida, é uma porta de oportunidades aos jovens”, complementou o governador do Estado, Paulo Hartung, sobre a importância do Ifes.

Novo bloco abriga quatro salas de aula e 23 laboratórios das áreas de Eletrotécnica, Engenharia Elétrica e Mecânica. (ACS/MEC)“O Brasil tem um destino que é de ser um país próspero e de ter uma prosperidade compartilhada com os seus filhos e, nesse caminho, a educação tem peso determinante”.

Pronatec – Uma das prioridades do ano no MEC, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) deve receber ainda mais atenção dos institutos federais, com a abertura de novas vagas e o preenchimento das existentes. Nove milhões de trabalhadores, trabalhadoras e estudantes já fizeram cursos do programa, lembrou o ministro.

“E, pela primeira vez na história, um país em desenvolvimento ganhou o primeiro lugar na Olimpíada Mundial do Conhecimento Técnico Científico, que foi realizada ano passado em São Paulo. Então isso mostra a importância da gente dar acesso às pessoas que querem crescer profissionalmente”, disse Mercadante.

Diante do momento de restrição orçamentária, o ministro falou de outra prioridade: consolidar a expansão da rede de educação profissional e tecnológica alcançada nos últimos anos. Segundo ele, a terceira etapa do Reuni – programa federal de apoio a planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais Brasileiras – representa uma nova etapa de crescimento.

“Nós estamos planejando agora as novas prioridades pra todo o Brasil, incluindo o Espírito Santo. E acho que, seguramente, pela qualidade do Instituto que temos aqui, nós vamos expandir”, explicou Mercadante.

Assessoria de Comunicação Social

Escute:

 

X
Fim do conteúdo da página