Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Exame Nacional de Desempenho abre inscrições nesta segunda, 10
Início do conteúdo da página
Educação básica

MEC estuda adotar selo da Ubes em cartão de freqüência

  • Terça-feira, 13 de setembro de 2005, 13h31
  • Última atualização em Segunda-feira, 14 de maio de 2007, 12h47

Os cartões do Projeto Presença poderão conter um selo da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes). A entidade estudantil fez esta solicitação na segunda-feira, 12, e o Ministério da Educação ficou de analisar. A Ubes gostaria que os cartões do Projeto Presença tivessem espaço reservado para o selo, que garantiria a meia-entrada.

O Projeto Presença, responsável pelo acompanhamento do acesso e freqüência escolar, prevê que os estudantes tenham um cartão, válido em todo o território nacional. E a idéia é que este cartão sirva automaticamente para a meia-entrada. Mas isso preocupa a Ubes, que teme perder autonomia e verba, já que é sustentada pelas carteirinhas que atualmente garantem a meia-entrada.

O presidente da entidade, Marcelo Gavião, propôs ao ministro Fernando Haddad que a Ubes forneça o selo. Haddad concordou com os argumentos e encarregou seus assessores de elaborar um estudo. “Não faremos nada sem ser em comum acordo com a Ubes, nenhuma decisão do ministério irá prejudicar uma entidade importante como a de vocês”, afirmou.

Este ano, a Ubes estima que cerca de dois milhões de alunos, em um universo de nove milhões matriculados no ensino médio, farão a carteira estudantil. “Atualmente, arrecadamos pouco. Se a meia-entrada for garantida independente da carteira da Ubes, aí acabará a sustentação financeira da entidade”, explica Gavião.

Repórter: Sandro Santos

 

 

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página