Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Complexo hospitalar da Universidade Federal do Pará recebe 204 novos profissionais
Início do conteúdo da página
Consed

Ministro destaca papel do conselho durante apresentação dos novos integrantes

  • Terça-feira, 24 de abril de 2018, 19h50

Durante a 2ª Reunião Extraordinária do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), realizada nesta terça-feira, 24, em Brasília, o ministro da Educação, Rossieli Soares, destacou o papel importante do conselho no debate de propostas para a melhoria dos programas e do ensino no Brasil e defendeu um diálogo ainda mais sólido entre o Ministério da Educação e os representantes do comitê, formado pelos 27 secretários estaduais de educação.  

Após a apresentação dos secretários estaduais que passaram a integrar o Consed, recentemente, o ministro falou sobre os desafios que terá pela frente, reiterou o apoio do MEC a todos os estados em suas demandas e ouviu sugestões dos novos membros do conselho. Esta foi a primeira assembleia do Consed com a participação de Rossieli Soares desde que assumiu o ministério, no início deste mês, na qual também foi empossada a nova presidente, Maria Cecília da Motta, atual secretária de Educação do Mato Grosso do Sul.

Segundo Rossieli Soares, que antes de assumir o posto máximo no MEC foi secretário de Educação Básica no próprio ministério e de Educação no estado do Amazonas por quase quatro anos, entre 2012 e 2016, uma das prioridades de sua gestão é solidificar as políticas educacionais já em andamento na pasta. Ele explicou que é necessário um alinhamento cada vez maior entre o MEC e órgãos como o Consed e a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

O ministro Rossieli Soares, ao lado da nova presidente do Consed, Maria Cecília da Motta, falou sobre as perspectivas da pasta aos novos integrantes (Foto: André Nery/MEC)

“Na condição de ministro muda um pouco o meu papel agora, lógico. Mas, mais do que nunca, é preciso ouvi-los sobre as agendas, claro que algumas delas eu conheço muito bem na Educação Básica. Mas eu quero escutar muito mais os senhores e senhoras que desejarem fazer as suas colocações sobre as políticas em andamento, as prioridades e sobre como devemos conduzir neste período”, afirmou Rossieli Soares.

O ministro da Educação aproveitou para elencar algumas prioridades da pasta, já em andamento, como a Reforma do Ensino Médio, a implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) do Ensino Médio, o Programa Mais Alfabetização, a formação continuada de professores e as escolas com ensino em tempo integral. Rossieli Soares lembrou os secretários estaduais que o Senado Federal aprovou, na semana passada, o empréstimo de 250 milhões de dólares, o equivalente a mais de R$ 1 bilhão, pelo Banco Mundial, para a implementação do Novo Ensino Médio.

A nova presidente do Consed falou sobre a expectativa de assumir a presidência do conselho e reafirmou que agora é o momento de trabalhar muito para a implementação da BNCC e a Reforma do Ensino Médio. “Vamos assumir a direção de uma instituição que tem 27 secretários e muitos deles são novos no cargo. Nosso compromisso é ajudá-los, ir até os estados se precisar, para que possamos construir, ainda em 2018, o currículo fundamentado na Base, que foi homologada no ano passado, e trabalhar com a Reforma do Ensino Médio, que é uma prioridade”, pontuou.

Assessoria de Comunicação Social

24/04/2018 - CONSED - II Reunião Extraordinária 2018. (Foto: André Nery/MEC)

 

Assunto(s): reunião , Consed
X
Fim do conteúdo da página