Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Em pronunciamento, ministro da Educação, Mendonça Filho, destaca homologação da BNCC
Início do conteúdo da página
Medicina

Revalidação de diploma obtido no exterior tem prova no domingo

  • Sexta-feira, 09 de setembro de 2011, 13h33
  • Última atualização em Sexta-feira, 09 de setembro de 2011, 13h33
Na edição deste ano do Revalida, 677 candidatos de 28 países, dentre os quais 417 brasileiros, vão buscar o reconhecimento dos diplomas de médico obtidos no exterior (foto: João Bittar)Será realizada neste domingo, 11, em seis capitais brasileiras, a primeira etapa do Exame Nacional de Revalidação dos Diplomas Médicos (Revalida) de 2011. O exame vai oferecer às universidades públicas que firmaram convênio de credenciamento com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), responsável pela aplicação, os subsídios para o reconhecimento dos diplomas obtidos em instituições estrangeiras.

A edição deste ano contará com a participação de 677 candidatos de 28 países — 417 brasileiros. Participam do Revalida brasileiros e estrangeiros, em situação legal no Brasil, que tenham diploma expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelas autoridades educacionais do país do curso.

O Revalida é realizado em duas etapas. A primeira, neste domingo, terá prova objetiva, composta por 110 questões de múltipla escolha, com cinco horas de duração, e outra com cinco questões discursivas, a ser concluída em três horas. Elas serão aplicadas em Brasília, Porto Alegre, Manaus, Fortaleza, Rio de Janeiro e Campo Grande.

Em data a ser divulgada, os aprovados nesta primeira fase devem fazer nova inscrição, na página eletrônica do Revalida na internet, para a prova da segunda etapa, a de habilidades clínicas, com dez questões, marcada para 15 e 16 de outubro, em Brasília.

Concluída a fase de aplicação das provas, o Inep encaminhará o resultado a cada universidade que tiver candidatos inscritos. No processo de revalidação de diplomas médicos deste ano, 37 instituições federais, estaduais e municipais de educação superior estão credenciadas a emitir certificado.

Até 2010, os estudantes formados em medicina em universidades fora do Brasil precisavam revalidar os diplomas em instituição pública brasileira, mas cada universidade adotava procedimentos próprios.

Diego Rocha
Assunto(s): Inep , Revalida
X
Fim do conteúdo da página