Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Educação básica
Início do conteúdo da página
Educação superior

Ministro da Educação dá posse a reitores do IFRJ e do IF Baiano

  • Terça-feira, 08 de maio de 2018, 15h20
  • Última atualização em Terça-feira, 08 de maio de 2018, 16h59


Dando continuidade à missão de desenvolver e buscar uma educação superior e tecnológica de qualidade, o ministro da Educação, Rossieli Soares, participou, nesta terça-feira, 8, em Brasília, da cerimônia de posse dos reitores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ), Rafael Barreto Almada, e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano), Aécio José Araújo Passos Duarte.

Na avaliação de Rossieli Soares, é preciso enfrentar as dificuldades na área da educação e encontrar soluções para continuar avançando, seja na Bahia, no Rio de Janeiro ou em qualquer lugar do país. “Ser gestor no Brasil é cada vez mais complicado”, afirmou. “Assim, precisamos ter, cada vez mais, pessoas comprometidas e apaixonadas pelo que fazem. Tenho certeza que Rafael e Aécio assumem com muita paixão esses institutos federais. Nós temos mantido o que foi acordado em relação ao custeio, e, com muita criatividade, temos condições de construir mais pontes para o futuro dos nossos alunos nos institutos federais. ”

O ministro também destacou a função estratégica do IFRJ no desenvolvimento da juventude, considerando que a solução para muitas dificuldades enfrentadas pelo Rio de Janeiro passa pela educação. “O instituto federal tem uma característica que, muitas vezes, transforma a vida do jovem em uma velocidade maior do que outras soluções, dando uma oportunidade de crescimento profissional e para a mudança de vida desses jovens”, frisou.

Segundo Rafael Barreto Almada, a sua gestão no IFRJ será fundamentada em valores básicos, como integração, consolidação, transparência e visibilidade, valorização humana e social, além de desenvolvimento e sustentabilidade. “Esses princípios norteiam o trabalho em cima da dignidade e respeito à coisa pública”, disse. “Vamos trabalhar em conjunto com a comunidade acadêmica e alunos em busca de um IFRJ integrado, íntegro e que busca melhorar a qualidade da educação superior no nosso país.” Ele assume a reitoria do IFRJ após uma trajetória acadêmica voltada para o estudo e o ensino da química.

Os reitores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ), Rafael Barreto Almada, e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano), Aécio José Araújo Passos Duarte tomaram posse nesta terça-feira, 8, no MEC. (Foto: Mariana Leal/MEC)

Ao falar sobre o IF Baiano, Rossieli Soares reforçou que a Bahia é um estado de extrema importância. No seu entender, o instituto, especialmente pela característica mais ligada à agronomia, precisa estar em boas mãos. “Buscamos trazer um desenvolvimento para esse estado, e o IF Baiano, certamente, tem uma característica fundamental de desenvolvimento que precisa ser potencializada”, defendeu.

Em seu discurso, Aécio José Araújo Passos Duarte, agrônomo de formação, lembrou que o IF Baiano é diferenciado, por tratar-se de um instituto composto por 14 campi, espalhados por todo o território da Bahia, além de uma unidade na capital, Salvador. “O nosso desafio continua sendo o de fazer um instituto único, de tentar fazer com que essas unidades, com suas características e peculiaridades, entendam que fazem parte de um instituto só e que nossos alunos precisam de todos lutando pelo mesmo propósito”, afirmou.

Parcerias - Presente à cerimônia, a ministra interina da Cultura, Mariana Ribas, destacou a importância de parcerias dos institutos e das universidades federais para o desenvolvimento da cultura. “Hoje conseguimos chegar a lugares a que ministérios antes não chegavam; [isso se deu] por meio dessa parceria, principalmente do trabalho feito com os jovens que estudam nessas universidades ou nesses institutos”, enfatizou. “Temos alcançado um resultado bastante positivo, e quero deixar o Ministério da Cultura à disposição para parcerias futuras e para continuidade daquelas que já estão em andamento. ”

Assessoria de Comunicação Social

Assunto(s): reitores , posse , IFRJ , IF Baiano
X
Fim do conteúdo da página