Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Publicado edital com diretrizes do Exame Nacional de Desempenho
Início do conteúdo da página
Posse

Aloizio Mercadante volta ao MEC para prosseguir na missão de construir uma pátria educadora

  • Segunda-feira, 05 de outubro de 2015, 18h41
  • Última atualização em Segunda-feira, 05 de outubro de 2015, 19h06

Ao empossar Mercadante, Dilma lembrou as novas vagas criadas em universidades, mesmo em ano de redução de gastos (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR) A presidenta da República, Dilma Rousseff, empossou nesta segunda-feira, 5, Aloizio Mercadante no cargo de ministro da Educação. Esta é a segunda vez que Mercadante assume a pasta, da qual foi titular entre 2012 e 2014.

Na cerimônia de posse, Dilma orientou os ministros a trabalhar mais, com mais foco e com mais eficiência. Ela destacou que, mesmo em um ano de redução de gastos, o Governo Federal criou 906 mil vagas em universidades e ofertou 1,3 milhão de vagas de educação profissional e tecnológica por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Ao novo ministro da Educação, a presidenta reforçou o compromisso do Ministério da Educação de fazer do Brasil uma pátria educadora. “Vamos continuar trabalhando para dar a cada brasileira e brasileiro o melhor passaporte para o futuro, que é educação de qualidade”, disse a presidenta.

Currículo – O ministro Aloizio Mercadante nasceu em Santos (SP), é graduado em economia pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em ciência econômica e doutor em teoria econômica pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). É professor licenciado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e da Unicamp.

Na carreira política, foi eleito, pelo estado de São Paulo, duas vezes deputado federal e uma vez senador. Em 1994, concorreu ao cargo de vice-presidente da República na chapa de Luiz Inácio Lula da Silva. Em 2011, assumiu o Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, foi ministro da Educação entre 2012 e 2014 e ministro-chefe da Casa Civil de 2014 a 2015, até reassumir o Ministério da Educação em 5 de outubro de 2015.

Assessoria de Comunicação Social

 

Assunto(s): posse , Ministro
X
Fim do conteúdo da página