Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
#ZikaZero

MEC participa de mobilização nacional para o combate a focos do mosquito Aedes aegypti

  • Sábado, 13 de fevereiro de 2016, 13h13
  • Última atualização em Segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016, 09h15

Mercadante: "A campanha é uma forma de mostrar para a população que cada um tem que fazer a sua parte” (foto: divulgação)O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, participou neste sábado, 13, em Osasco (SP), da mobilização nacional de combate ao mosquito Aedes aegypti. A ação integra iniciativa coordenada pelo governo federal, que contou com a participação da presidenta da República, Dilma Rousseff, outros ministros de Estado e autoridades federais em diferentes localidades do país.

Em todo o Brasil, 220 mil militares do Exército, da Marinha e da Aeronáutica, participaram das atividades, realizadas em mais de 350 cidades das 27 unidades federativas.

Ao lado do prefeito de Osasco, Jorge Lapas, de militares das Forças Armadas e de profissionais de Osasco e do estado de São Paulo, Mercadante visitou uma escola municipal e residências da cidade e orientou a população sobre o combate aos criadouros do mosquito transmissor da dengue, da febre chikungunya e do vírus zika.

“A campanha serve para conscientizarmos as pessoas de que todo mundo precisa fazer a sua parte. Não adianta fazer a campanha um dia na rua. A campanha é uma forma de mostrar para a população que cada um tem que fazer a sua parte. Se cada um não cuidar da sua casa, não tem quem cuide”, afirmou o ministro.

Com caráter educativo, a ação buscou intensificar a conscientização da população para a importância de erradicar os criadouros do mosquito. Durante a atividade, foi distribuído material informativo, com explicações sobre as medidas de prevenção.

“Na educação, vamos tentar sensibilizar os 60 milhões de estudantes, profissionais da educação e professores, além de comunicar os pais, porque somos a rede mais capilarizada no país. Se fizermos de cada sala de aula um espaço de informação e conscientização, a gente vai ter um exército poderoso, cada um vai falar para seus parentes, seus vizinhos”, afirmou Mercadante.

O ministro abriu o dia de combate ao mosquito em Osasco, na escola municipal Terezinha Pereira, no bairro Rochdale. Na sequência, Mercadante percorreu as ruas do bairro, visitando residência e estabelecimentos comerciais, distribui panfletos de informação e conversou com os moradores sobre formas de prevenção e de eliminação dos focos de mosquito.

 Secretário-executivo do MEC e prefeito de Anápolis distribuem panfletos no centro da cidade sobre o enfrentamento ao Aedes Aegypti (foto: Danilo Almeida/MEC)A mobilização também contou com a participação do secretário-executivo do MEC, Luiz Cláudio Costa, em Anápolis (GO), e do secretário de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão, Paulo Gabriel Nacif, em Itabuna (BA).

"Nós realmente estamos em uma guerra contra um mosquito que traz três doenças gravíssimas. Não temos vacina. A única vacina é a nossa participação efetiva", destacou o secretário-executivo do MEC. " Temos que olhar nossas casas diariamente, sem negligenciarmos", complementou.

Após a abertura dos trabalhos, o secretário-executivo e o prefeito João Batista Gomes distribuíram panfletos pelo centro de Anápolis e conversaram com trabalhadores dos comércios locais. Neste sábado, 550 militares e 18 agentes de saúde participam da ação. Ao longo da semana, 162 militares e cerca de 80 agentes de saúde visitarão nove bairros. A meta é chegar a 20 mil residências.

Plano — O dia de mobilização nacional faz parte dos esforços do governo federal previstos no Plano Nacional de Enfrentamento ao Aedes e à Microcefalia, lançado pela presidenta Dilma Rousseff em dezembro do ano passado. Ao todo, 19 ministérios e outros órgãos federais estão mobilizados para atuar em conjunto. O enfrentamento do mosquito contará também com a participação dos governos estaduais e administrações municipais.

Assessoria de Comunicação Social, com informações do Ministério da Saúde

 

Assunto(s): mobilização , combate , mosquito
X
Fim do conteúdo da página