Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > IFS fabrica máscaras para doar a hospitais e unidades de saúde
Início do conteúdo da página
Parceria

Capes selecionará projetos de pesquisa de países da América do Sul e França

  • Sexta-feira, 24 de janeiro de 2020, 11h30
  • Última atualização em Sexta-feira, 24 de janeiro de 2020, 12h30

Oportunidades são nas áreas de ciências e tecnologias da informação e comunicação e de matemática


A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) selecionará até dez projetos conjuntos de pesquisa em parceria com França, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela. As oportunidades são nas áreas de ciências da tecnologia, de comunicação e de matemática.

O investimento total é de R$ 2,166 milhões, em um total de dez projetos. São dois editais: um financiará até cinco iniciativas na área de ciências e tecnologias da informação e comunicação e o outro, cinco na área de matemática.

Os editais foram publicados na edição desta quarta-feira, 22 de janeiro, do Diário Oficial da União (DOU). Ambos estão disponíveis no portal da Capes (aqui e aqui).

Os programas têm o objetivo de promover e fortalecer a colaboração e a criação de redes de investigação entre os países por meio de projetos conjuntos de transferência de inovação e tecnologia em ambas as áreas.

Serão oferecidos R$1.082.993,20, por edital, para custear missões de trabalho e bolsas. Cada equipe brasileira deverá ser composta pelo coordenador e, no mínimo, dois pesquisadores com doutorado e poderá custar, no máximo, R$216.598,64 por ano.

Missões de trabalho – Serão R$67.436,88 para até duas missões de trabalho por ano. Este valor deverá custear auxílio-deslocamento, seguro-saúde ou viagem. Estão previstos também auxílios diários de até US$ 370 (R$ 1.546) para um pesquisador com doutorado ou coordenador da equipe brasileira. A duração de uma missão é de sete a 20 dias.

Os dois anos de projeto serão composto de duas a quatro missões de trabalho. Pelo menos uma missão deverá ser feita pelo coordenador. Cada pesquisador selecionado deverá aguardar um intervalo de um ano para ser novamente beneficiado. A exceção é o coordenador, que poderá realizar a missão de trabalho uma vez por ano.

Bolsas – Serão ofertados anualmente, por cada projeto, R$149.161,76 para bolsa nas modalidades doutorado-sanduíche, de quatro a 12 meses, pós-doutorado e professor visitante júnior, de dois a 12 meses, e professor visitante sênior, de dois a dez meses de duração.

Os benefícios incluem o pagamento de mensalidade, passagens, auxílio-instalação, seguro-saúde e adicional de localidade, quando aplicável. O bolsista de doutorado-sanduíche não poderá possuir título de doutor e deverá comprovar proficiência em língua francesa e espanhola, como especificado no edital.

Prazos

  • inscrições: o prazo para a instituição pedir acesso ao Sistema de Inscrições da Capes (Sicapes) é 13 de abril;
  • encerramento das inscrições: às 17h de 20 de abril.
  • análise das propostas: até 2 de outubro, com três dias corridos para recurso.
  • divulgação do resultado: até 3 de dezembro de 2020.
  • início das atividades e entrega das bolsas: a partir de janeiro de 2021.

Assessoria de Comunicação Social, com informações da Capes

Assunto(s): Capes , frança , América do Sul
X
Fim do conteúdo da página