Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Divulgados gabaritos e padrões de resposta do Enade 2017
Início do conteúdo da página
Coronavírus

Hospital universitário do Maranhão comemora primeiro paciente curado de Covid-19

  • Segunda-feira, 13 de abril de 2020, 17h39
  • Última atualização em Terça-feira, 14 de abril de 2020, 09h22

O médico Cláudio Matias Barros passou sete dias na UTI e teve alta no dia 9 de abril


Sob aplausos, profissionais do hospital universitário da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), comemoraram a alta hospitalar do paciente Cláudio Matias Barros. Ele é o primeiro paciente com Covid-19 curado na instituição. A alta médica aconteceu na última quinta-feira, 9 de abril.

Foram sete dias lutando para sobreviver na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo monitorado 24h por dia. O paciente conhece muito bem todo esse ambiente. Cláudio Matias é médico e residente de cirurgia do aparelho digestivo do próprio hospital universitário. Muito emocionado, o médico agradeceu a equipe médica e de apoio pela dedicação. “Foi aqui onde eu vivi a maior batalha da minha vida”, disse Cláudio.

A médica Rosimarie Salazar, que compõe a equipe de enfrentamento contra a Covid-19, falou sobre o quadro do paciente. “Ele chegou moderadamente grave, mas respondeu clinicamente bem. E todo dia, a gente ficava muito apreensivo porque essa doença é nova. Estamos muito felizes e desejamos que todos os outros pacientes tenham essa mesma evolução”, disse.

O médico Kaile Cunha, que coordena a equipe de enfrentamento ao coronavírus no hospital da UFMA, ressaltou a importância desse momento. “É a alta do nosso primeiro paciente e representa todo um esforço que foi programado. Temos toda uma equipe de apoio, de gestão e mais os profissionais da área assistencial como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, técnicos de enfermagem, psicólogos e assistentes sociais. Tudo para oferecer aos pacientes um tratamento o mais humanizado possível, no meio dessa situação desumanizada que o coronavírus está provocando”, declarou.

Para a superintendente do hospital, Joyce Lages, esse é um momento de alegria e da certeza do dever cumprido. “Estamos dando o nosso melhor para garantir a recuperação de todos os pacientes nesse momento tão difícil. Esse resultado é fruto do empenho e da dedicação dessa equipe extremamente aguerrida e que luta incansavelmente contra esse inimigo invisível”, finalizou.

Rede Ebserh - O hospital universitário da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) é uma das 40 unidades hospitalares vinculadas à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), empresa pública vinculada ao Ministério da Educação (MEC). Em algumas regiões do Brasil, as unidades da Rede Ebserh têm atuado como hospitais de referência no enfrentamento à Covid-19, enquanto que em outras, atuam como retaguarda em atendimentos assistenciais para a população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Assessoria de Comunicação Social, com informações da Ebserh

X
Fim do conteúdo da página