Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Professores de ex-territórios terão direito a requerer gratificação por título
Início do conteúdo da página
Trilhas da Educação

Projeto no interior de São Paulo ensina Matemática aos jovens com um brinquedo clássico

  • Sexta-feira, 16 de agosto de 2019, 15h05
  • Última atualização em Sexta-feira, 16 de agosto de 2019, 16h21

Utilizar um brinquedo da década de 1980 para ensinar Matemática. Foi isso que o professor Fábio Aparecido da Silva tornou possível. O docente da Escola Estadual ETEC Cônego José Bento, em Jacareí, no interior de São Paulo, transformou a ideia em uma ferramenta lúdica para incentivar os alunos no aprendizado da matéria.

Tudo começou há dez anos, depois de sugestão feita por uma das alunas que precisava melhorar as notas. “Ela fez a proposta durante a aula. Se montasse um cubo mágico, teria a chance de melhorar a nota”, conta Fábio.

A apresentação na frente dos colegas deu início ao projeto. De acordo com Fábio da Silva o segredo é fazer uma leitura, interpretar o objeto e chegar ao raciocínio lógico para montar a peça, além de trabalhar a concentração.

O professor classifica o projeto como “aquecimento do cérebro”. “Antes de começar a aula eu chamo eles em grupos de dez pessoas. Eles fazem a troca dos cubos, embaralham e começam a montagem. Isso até completar a sala toda. Dura em torno de quinze minutos mais ou menos. A partir daí que começa a aula”, conta.

O cubo, criado pelo húngaro Ernő Rubik, não ajuda apenas na Matemática. Como o aluno precisa fazer uma leitura, interpretar o brinquedo e chegar ao raciocínio lógico para encaixar as cores, o objeto trabalha a concentração.

A experiência ultrapassou a barreira da sala de aula e virou competição. E a iniciativa foi dos estudantes. A Escola Estadual ETEC Cônego José Bento chegou a representar o Brasil em um campeonato que movimentou 19 países.

“Esse ano foi a quinta edição do campeonato de cubo mágico oficial aqui na escola. Inclusive este ano aconteceu em 19 países ao mesmo tempo e, no Brasil, nossa escola foi a representante”, conta Fábio. Agora, a ideia do professor é levar o projeto a outras escolas da região.

Saiba mais – A história do cubo mágico é o tema da edição desta sexta-feira, 16 de agosto, do programa Trilhas da Educação, da Rádio MEC.

Assessoria de Comunicação Social

X
Fim do conteúdo da página